Siga o OTD

BRASIL X EGITO QUARTAS DE FINAL FUTEBOL MASCULINO JOGOS OLÍMPICOS TÓQUIO 2020

Tóquio 2020

Brasil supera o Egito e se garante na semifinal do futebol masculino

Com gol de Matheus Cunha, Brasil elimina o Egito e garante a classificação para a semifinal do torneio de futebol masculino dos Jogos Olímpicos

Lucas Figueiredo/CBF

Brasil supera o Egito e se garante na semifinal do futebol masculino

O placar foi magro, mas a seleção brasileira fez uma boa partida contra o Egito e, com autoridade, conseguiu a classificação para a semifinal do torneio de futebol masculino dos Jogos Olímpicos. A equipe digirida por André Jardine dominou completamente o adversário durante os 90 minutos, teve várias chances de gol, mas acabou balançando a rede apenas uma vez com Matheus Cunha no primeiro tempo. Com o resultado, o Brasil espera pelo vencedor de México e Coreia do Sul para saber quem será seu adversário por uma vaga na decisão da medalha de ouro.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Se na partida contra a Arábia Saudita a seleção teve dificuldades para furar a retranca adversária e só deslanchou no final do jogo, na manhã o time teve paciência e tocou muito bem a bola. Apesar de não ter concluído muito em gol na etapa inicial, pressionou o Egito o tempo todo em seu campo defensivo.

+Tudo sobre o futebol masculino nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Richarlison foi o melhor jogador da equipe na primeira etapa. Pedindo a bola e pressionando o Egito, foi o autor da jogada do gol de Matheus Cunha. Ele achou o centroavante livre na entrada da área e o camisa 9 chutou no canto sem chances para o goleiro egípcio.

 +RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

Na etapa final, o Brasil continuou muito superior ao adversário, mas teve uma baixa. Machucado, Matheus Cunha deixou o campo para dar lugar a Paulinho. O ex-vascaíno, que atualmente defende o Bayer Leverkusen, teve pelo menos duas chances claras para marcar, mas não conseguiu mandar a bola para rede. A equipe ainda teve chances também com Richarlison e Guilherme Arana, mas não conseguiu ampliar.

Brasil x Egito – futebol masculino – Olimpíada de Tóquio 2020

Mais em Tóquio 2020