Siga o OTD

corinthians x el nacional copa libertadores da américa de futebol feminino

Futebol

Corinthians massacra El Nacional com super goleada na estreia da Libertadores

Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians

Corinthians massacra El Nacional com super goleada na estreia da Libertadores

Campeão da Libertadores em 2017 e 2019, o Corinthians começou com tudo na busca pelo tricampeonato. A estreia foi contra o El Nacional, atual campeão equatoriano, que não viu a cor da bola e levou uma surra de 16 a 0, no Estádio Nuevo Francisco Urbano, em Buenos Aires.

Diante de um adversário que passou por um desmanche por conta de problemas financeiros e escalou uma equipe com sete jogadoras da seleção sub-17 do Equador, o Corinthians subiu a marcação e pressionou o adversário desde o início. O resultado disso foram quatro gols em menos de vinte minutos.

O primeiro saiu aos três. Victoria Albuquerque recebeu passe em profundidade, na entrada da área, e chegou batendo para abrir o placar. Aos 11, após cobrança de escanteio, a bola ficou viva na área e a Giovana Crivelari completou para a rede.

+ Tabela da Libertadores feminina

Quatro minutos depois, em novo escanteio, a zagueira Pardal apareceu no meio da pequena área para completar para o gol. Aos 18, Crivelari recebeu da esquerda e teve a calma e categoria para dominar e bater forte para vencer a goleira.

Depois disso, o Corinthians diminuiu o ritmo, mas voltou com tudo no segundo tempo. Aos cinco minutos, Gabi Portilho fez a jogada pela direita, cruzou para a Adriana que bateu forte para a defesa da goleira. No rebote, a bola foi levantada mais uma vez, mas aí a Victoria Albuquerque não perdoou e fez 5 a 0.

Aos 13, Gabi Zanotti deu um tapa para Tamires, que tabelou com Victoria Albuquerque para marcar o sexto gol. Aos 16, em nova cobrança de escanteio, foi a vez de Poliana fazer 7 a 0.

Aos 18, Gabi Portilho fez uma jogada individual espetacular e tocou para trás, onde encontrou Gabi Zanotti sozinha para bater forte para o gol e marcar o oitavo.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Ao contrário do primeiro tempo, o Corinthians não diminuiu o ritmo. Gabi Nunes, que entrou no lugar de Gabi Zanotti aos 19, fez um golaço de falta aos 25 minutos.

Gabi Nunes estava iluminada. Aos 32, recebeu cruzamento da direita e tocou com categoria para marcar o décimo gol corintiano. Um minuto depois, ela fez mais um com passe de Gabi Portilho para fazer 11 a 0.

O Corinthians não parou no hat trick de Gabi Nunes e marcou mais duas vezes com Adriana aos 34 e Grazi aos 37 e 39 para fazer 14 a 0.

Aos 42, Victoria Albuquerque fez o 15º. e depois Grazi marcou o terceiro dela para fechar a super goleada em 16 a 0.

Veja como foi: Corinthians x El Nacional – Libertadores de futebol feminino

Mais em Futebol