Siga o OTD

Esgrima

Brasil terá 17 atletas em ação neste fim de semana na Europa

De estrelas nacionais a jovens promessas, esgrima brasileira estará bem representada neste final de semana na disputa das três armas pela Europa

Guilherme Toldo
Guilherme Toldo será um dos brasileiros em ação neste fim de semana na Europa (Augusto Bizzi/FIE)

Uma enxurrada de competições internacionais com Brasil na pista. É dessa forma que será o final de semana da esgrima brasileira. A partir desta sexta-feira (14), 17 atletas do Brasil – desde estrelas nacionais a jovens promessas – estarão envolvidos em cinco competições simultâneas em torneios pela Europa, os quais incluem edições da Copa do Mundo de Florete e Sabre e um Circuito Cadete Europeu de Espada. Todos os campeonatos se encerram no domingo (16).

No florete feminino, Bia Bulcão, Talia Calazans e Rafaella Gomes estão em Poznan, na Polônia, para competirem individual e coletivamente na Copa do Mundo da arma. A primeira fez uma boa participação no último desafio que teve em pista na Copa do Mundo, disputada em Saint-Maur, na França, em que passou da pule e alcançou o quadro de 64.

+Nathalie Moellhausen começa temporada renovada e confiante

“É uma competição diferente, pois muitos vieram de uma pausa por conta do período de festas. Estou com pensamento em jogar, aproveitar o meu momento em pista e poder fazer o meu melhor. Vou com a mesma ideia que tive na prova de Saint-Maur, vou buscar estar com o mesmo sentimento e sensação de combate de lá. É o que estou querendo”, garantiu a brasileira.

Por outro lado, a Copa do Mundo de Florete masculino vai ser jogada em Paris, capital francesa. O torneio vai ter a presença do brasileiro que esteve na Olimpíada de Tóquio, no ano passado: Guilherme Toldo. O atleta, que terá a companhia de Henrique Marques, Kevin Lima e Paulo Morais, comemorou a realização do evento e diz que sente bem para as provas que terá na França.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

“Vai ser uma competição legal, a primeira do ano no retorno às disputas internacionais. Infelizmente, cancelaram dois eventos do florete masculino, então, vai ser um momento bem interessante de voltar às pistas”, falou Toldo.

“Estou me sentindo bem, já voltei a fazer uma preparação forte depois da Olimpíada. Como todo início de ciclo, há mudanças e renovações, foi o que fiz no meu programa. O campeonato vai ser o meu primeiro teste. Estou confiante”, completou.

Assim como no florete, o sabre também terá disputas individuais e por equipes e os dois naipes contemplados, entretanto a sede será a mesma para os dois gêneros: Tbilisi, na Geórgia. No feminino, o Brasil será representado por Pietra Chierighini – que vem de uma prata nos Jogos Pan-Americanos Júnior, em Cali, na Colômbia, conquistada no mês passado -, Giulia Gasparin, Luiza Lee, Luana Pekelman e Karina Trois.

No masculino, o país contará com Henrique Garrigós, Enrico Pezzi e Bruno Pekelman. Este último contou que a sua preparação para a prova começou com o período de descanso que teve no final do ano. Após o réveillon, o atleta já se encaminhou para a Geórgia para realizar um estágio de treinamento na cidade-sede da Copa do Mundo de Sabre.

“O ano de 2021 foi muito intenso, então, no período entre o Natal e o Ano Novo, decidi descansar para poder começar 2022 com mais qualidade. Logo no início de janeiro, viajei para a Geórgia para participar de um estágio de treinamento com atletas de diversos países. Sem dúvidas, foi uma semana intensa, mas que me proporcionou boas experiências para a Copa do Mundo”, contou Bruno Pekelman.

O esgrimista admitiu que ainda se sente um atleta em evolução e que seu objetivo maior é ficar no Top 64 do torneio: “Ainda me considero em desenvolvimento no circuito internacional. Meu objetivo para as Copas do Mundo neste ano é me classificar entre os 64 melhores da prova. O processo de evolução na esgrima é lento, mas sempre procuro me manter otimista e subir um degrau de cada vez”.

O Brasil também terá atletas das categorias de base em ação. Em Bratislava, na Eslováquia, Daniel Coste e Ginevra Giordano – que fez uma boa Copa do Mundo Júnior de Espada na semana passada em Udine, na Itália – vão para a disputa do Circuito Cadete Europeu de espada.

Mais em Esgrima

viagra