Siga o OTD

Henrique Avancini - Copa do Mundo de mountain bike

Ciclismo Mountain Bike

Henrique Avancini estreia na primeira etapa de Copa do Mundo da temporada

Número um do mundo, Avancini encara primeiro desafio mundial de 2021 e quer repertir feito do ano passado, quando venceu a prova de XCO

Bartek Wolinski / Red Bull Content Pool

Henrique Avancini estreia na primeira etapa de Copa do Mundo da temporada

Líder do ranking mundial, o brasileiro Henrique Avancini encara o primeiro grande desafio mundial desta temporada. A partir desta sexta-feira (7), às 12h20 (de Brasília), em em Albstadt, na Alemanha, o ciclista olímpico estreia na primeira etapa da Copa do Mundo de mountain bike, na prova de XCC. E no domingo (9), a partir das 9h15 (de Brasília), acontece a prova de cross country olímpico (XCO).

Campeão da etapa que fechou a temporada 2020, Avancini fez história ao ser o primeiro atleta do país a ganhar uma prova de cross country olímpico em Copas do Mundo de MTB. Neste ano, o nível da competição deve exigir ainda mais dos atletas. Isso porque, atletas de países tradicionais, como a França, vão buscar índice para Tóquio-2020 por meio da Copa do Mundo, o que deve aumentar ainda mais a pressão e a busca pelo topo.

“Foi uma grande espera para a gente voltar a competir em um calendário com continuidade, relativamente com sequência normal. Novamente, a gente abre em Albstadt, que é um circuito diferente mais lento, com subidas longas e que, às vezes, traz surpresas relacionadas ao clima. Geralmente, acontece muita coisa e é sempre um grande desafio manter controle. Eu tenho ambições de competir bem na classificação geral. Então, para isso, tenho de manter uma consistência em todas as etapas. Para essa, quero conquistar resultados regulares e ter uma boa noção em relação aos outros atletas. A partir disso, construir meu nível pensando na sequência do ano”, destacou o número um do mundo.

Além disso, Henrique Avancini fez um intenso training camp na Europa nas últimas semanas e já demonstrou que vai brigar por títulos na temporada: em abril, venceu uma etapa da Internazionali d’Italia Series, deixando para trás o suíço Nino Schurter e o francês Maxime Marrotte. E, agora, chega forte rumo à Copa do Mundo de MTB.

Mais brasileiros na briga

O Brasil ainda terá na prova outros três nomes na Copa do Mundo de mountain bike. Ulan Galinski tenta repetir os bons resultados do ano passado, quando foi 14° lugar no campeonato mundial na categoria sub-23.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

E os outros dois nomes que chamam a atenção são os de Guilherme Muller e Luiz Henrique Cocuzzi. Ambos disputam a segunda vaga do Brasil nos Jogos de Tóquio-2020, e os resultados nas etapas da Copa do Mundo devem definir, então, quem representará o Brasil ao lado de Henrique Avancini no Japão.

Mais em Ciclismo Mountain Bike