Siga o OTD

Santo André Sesi Araraquara LBF

Basquete

Santo André surpreende Araraquara e vence a terceira seguida na LBF

Na abertura do segundo turno, time da Grande São Paulo bateu as rivais do interior, que, sem Tainá Paixão, conheceram a terceira derrota consecutiva na Liga de Basquete Feminino

(Jorge Bevilacqua / Santo André/Apaba / arquivo)

Santo André surpreende Araraquara e vence a terceira seguida na LBF

O Santo André/Apaba surpreendeu e derrotou o Sesi Araraquara por 67 a 66 na única partida marcada para este sábado (15) na Liga de Basquete Feminino (LBF), abrindo o segundo turno da competição. Foi a terceira vitória seguida do time da Grande São Paulo, que jogou em casa, no Parque Celso Daniel. Já as visitantes perdem a terceira consecutiva, todas sem Tainá Paixão, em recuperação da mão direita.

Com a vitória, o Santo André soma agora três resultados positivos em oito duelos disputados até aqui, chegando a 11 pontos na quarta colocação. Na próxima rodada pega o Sampaio Basquete. Já o Sesi Araraquara passa a ter três derrotas nas mesmas oito partidas e vai a 13 pontos, mesma marca do líder Ituano, que tem um jogo a menos e vantagem no confronto direto. Na próxima rodada, o time do interior recebe o Blumenau. Neste ano, a LBF tem oito equipes e todas vão para os playoffs, sendo que a primeira fase, de classificação, define os duelos.

Glenda foi o destaque do time da casa anotando 14 pontos, pegando sete rebotes e ainda dando cinco assistências. Jaqueline e Sassá foram as maiores pontuadoras do Santo André, com 16 cada, e Ariadna flertou com o duplo-duplo anotando sete pontos e pegando dez rebotes. Pelo lado de Araraquara, Juliana Souza foi o grande destaque anotando 17 pontos, cestinha da partida. Izabela contribuiu com mais 16 e Mariane marcou 12 e ainda pegou sete rebotes.

Jogo apertado

O Santo André dominou os momentos cruciais do duelo. Perdeu o primeiro quarto por 26 a 23, mas se recuperou no segundo e venceu por 19 a 17, indo para os vestiários perdendo por 43 a 42. No terceiro, o time da casa virou e colocou a vantagem que garantiria a vitória: fez 16 a 13. O Araraquara descontou um no último, 10 a 9, mas não foi o suficiente.

Protagonistas de duelos bastante disputados desde 2019 na LBF, as duas equipes entraram em quadra calibradas, aproveitando acima de 60% dos arremessos do primeiro período. Glenda e Juliana já travavam um duelo particular, responsáveis por 11 e 10 pontos cada, respectivamente. Com Sassá vindo bem do banco, as donas da casa foram ligeiramente melhores no segundo período.

+ Seleção feminina fará preparação para a AmeriCup em Salto, São Paulo

O jogo seguiu acirrado no terceiro período, quando houve seis mudanças de liderança no placar. Puxado pela capitã Jaque, que converteu duas bolas do perímetro, o time da casa virou e foi para o último quarto na frente. A emoção foi até o fim. Nervosas, as duas equipes acirraram a disputa com erros e baixo aproveitamento de quadra, especialmente Araraquara, que teve apenas 12,5% de eficiência. Carlinha, em bandeja, ainda voltou a colocar as visitantes na ponta faltando quatro minutos e meio para o fim, mas Jaqueline e Ariadna usaram a experiência para devolver a dianteira e deixar a vitória em Santo André.

Orgulho do time

“Sabíamos que seria uma partida dura. Mas, o jogo em equipe e a superação foram primordiais para essa bela vitória. Todas as atletas e comissão técnica estão de parabéns pela garra. Estamos muito felizes. Agora, é continuar trabalhando forte e focadas para a próxima partida”, disse Jaqueline ao final do duelo.

Arilza Coraça, treinadora do Santo André/Apaba, afirmou estar orgulhosa da equipe. “Jogou como um time, unido e lutando muito, sem esmorecer. Me sinto como aquela mãe que coloca os filhos debaixo da asa, pois o grupo demonstrou brio. Em muitos momentos fomos infelizes, acertamos poucos lances livres, mas as atletas honraram o nosso brasão e estamos todos felizes.”

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, TWITTER, INSTAGRAM, FACEBOOK E TIKTOK

Izabela, ala/pivô do Sesi Araraquara, creditou a terceira derrota na LBF à má postura na defesa. “Nós sabíamos que seria um jogo disputado, Santo André sempre vem forte. Até foi um bom jogo ofensivo, mas defensivamente pecamos. Agora temos que acertar esses erros nos treinamentos e ir para cima de Blumenau, que é nosso próximo jogo.”

Mais em Basquete