Siga o OTD

Basquete

Minas derrota o São Paulo e conquista terceira colocação da Champions

Minas faz bom segundo tempo, bate o São Paulo e é a terceira melhor equipe da Champions League das Américas

(Divulgação/BCL Américas)

Minas derrota o São Paulo e conquista terceira colocação da Champions

A decisão de terceiro lugar da Champions League das Américas foi definida com um show no segundo tempo. Em duelo brasileiro na sede em Manágua, na Nicarágua, o Minas foi superior na volta dos vestiários e derrotou o São Paulo por 75 a 58 e se sagrou o terceiro melhor time do continente.

Após os dois primeiros quartos de pouca inspiração para os dois times, o Minas voltou mais ligado para a segunda metade da partida. Melhorando a sua taxa de arremessos, a equipe foi soberana nos rebotes ofensivos e defensivos e conseguiu uma vitória de larga vantagem sobre o rival brasileiro.

O show mineiro na segunda etapa teve uma participação importante do armador norte-americano David Jackson, que anotou 14 pontos para o Minas. Além dele, Rafa Moreira e JP Batista, com 11 pontos cada, e David Nesbitt, com 10, se destacaram na conquista. O cestinha do jogo foi Georginho, que foi responsável por 17 pontos para o São Paulo.

Minas x São Paulo Champions League
Minas bate o São Paulo e fica com a terceira posição na Champions League das Américas (Divulgação/BCL Américas)

O foco dos dois times agora se vira para a disputa dos playoffs. Enquanto o Minas avançou com a segunda melhor campanha da primeira fase, o São Paulo também passou com um lugar no G4 ao se classificar na terceira colocação. Com isso, as equipes só entram em quadra nas quartas de final, que devem acontecer no final deste mês.

O jogo

O primeiro quarto começou ruim, com os dois times apresentando muitos erros ofensivos. A partida começou a engrenar na metade da parcial, com JP Batista entrando inspirado para o Minas e abrindo vantagem para a equipe mineira. A resposta do São Paulo começou após pedido de tempo de Cláudio Mortari. Após a conversa com o treinador, a equipe conseguiu uma sequência de nove pontos seguidos e levou uma vantagem de dois pontos do primeiro quarto.

Na segunda parcial, as duas equipes voltaram a cometer muitos erros nos arremessos e o placar foi pouco alterado. Já na reta final do segundo quarto, as bolas de três pontos por parte da equipe mineira começou a cair e a equipe conseguiu levar uma vantagem, mesmo que mínima, para o intervalo.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Na volta dos vestiários, o Minas voltou mais inspirado. Com Nesbitt e David Jackson com melhor aproveitamento no quarto e JP Batista soberano nos rebotes ofensivos, a equipe mineira rapidamente abriu uma boa vantagem, que chegou a ultrapassar os dois dígitos na final da parcial.

Nos minutos finais, o Minas apenas consolidou o seu resultado. Com uma larga vantagem no placar, os mineiros não viram o São Paulo esboçar uma reação, então precisaram apenas fazer um quarto protocolar para confirmar a terceira posição.

Mais em Basquete