Siga o OTD

Seletiva atletismo paralímpico

Tóquio 2020

Segunda fase da seletiva paralímpica de atletismo começa nesta terça-feira

A segunda fase da seletiva de atletismo paralímpico para a Paralimpíada de Tóquio começa nesta terça-feira (15) no CPB, em São Paulo

Marcello Zambrana/CPB

Segunda fase da seletiva paralímpica de atletismo começa nesta terça-feira

A segunda Fase da seletiva de atletismo paralímpico começa nesta terça-feira (15), no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo. Esta será a oportunidade para atletas de meio fundo, fundo, saltos e provas de campo alcançarem os índices para os Jogos Paralímpicos de Tóquio.  

Ao todo, estão inscritos 59 atletas para esta segunda etapa da seletiva de atletismo. Dentre eles, os medalhistas mundiais Alessandro Rodrigo (F11), Raissa Rocha (F56), Beth Gomes (F52) do campo e os fundistas Júlio Agripino (T11), Yeltsin Jacques (T11) e a Edneusa Santos (T12).  

-No Dia Mundial do Doador de Sangue, COB realiza ação entre atletas e colaboradores

Todos os participantes da seletiva de atletismo paralímpico obedecerão rigorosos protocolos sanitários implementados pelo CPB desde sua reabertura em julho de 2020.  

O atletismo é a modalidade com o maior número de vagas disponíveis, 54. E para o preenchimento das vagas, o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), que também atua como confederação do atletismo paralímpico, estabeleceu critérios técnicos. O primeiro deles é que os campeões mundiais de 2019 estão garantidos.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK 

Ao todo, 13 atletas conquistaram a medalha de ouro no Mundial de Dubai. Foram eles: Alessandro Rodrigo (F11), Claudiney Batista (F56), Cícero Valdiran (F57), Elizabeth Gomes (F52), João Vitor Teixeira (F37), Thiago Paulino (F57) nas provas de campo e Petrúcio Ferreira (T47), Daniel Martins (T20), Jerusa Geber (T11), Júlio César Agripino (T11), Lucas Prado (T11), Rayane Soares (T13), Thalita Simplício (T11) nas pistas.    

Nos Jogos de Tóquio 2020, que serão realizados de 24 de agosto a 5 de setembro, a expectativa é de que a delegação brasileira seja composta por 230 atletas (150 homens e 80 mulheres).   

Mais em Tóquio 2020