Siga o OTD

Planeta Ippon

Brasileiros conquistam ouro e bronzes em abertos na Europa

Phelipe Pelim foi campeão e Allan Kuwabara ficou em terceiro no Aberto de Sófia, na Bulgária; já em Odivelas, Portugal, Larissa Pimenta também foi ao pódio

Phelipe Pelim venceu p Aberto de Sófia
Phelipe Pelim venceu quatro das cinco lutas por ippon (EJU)

Três brasileiros foram ao pódio em dois abertos europeus de judô. Phelipe Pelim ganhou e Allan Kuwabara ficou em terceiro no Aberto de Sófia, na Bulgária. Já em Odivelas, Larissa Pimenta ficou com a medalha de bronze. Outros quatro brasileiros lutaram nas duas competições, neste sábado (1º).

Phelipe Pelim (60kg) venceu cinco lutas para ser campeão em Sófia, as quatro primeiras por ippon. Começou pelo ucraniano Dilshot Khalmatov na segunda rodada, depois passou pelas oitavas vencendo o francês Maxime Merlin, nas quartas derrotou o russo Ramazan Abdulaev.

A semifinal foi contra outro francês, Cedric Revol. Na final, bateu Iruj Valizada, do Azerbaijão, por um waza-ari.

Valizada foi o algoz de Allan Kuwabara (60kg) nas quartas de final. Para chegar lá, o brasileiro venceu as duas primeiras lutas aplicando o golpe perfeito, primeiro sobre o sérvio Nemanja Milic e depois sobre o israelense Noam Leiba.

Phelipe Pelim e Allan Kuwabara no pódio do Aberto de Sófia
Pelim e Kuwabara no pódio de Sófia (divulgação/EJU)

Nas quartas caiu por ippon, e se recuperou na repescagem batendo o marroquino Issam Bassou, também valendo-se de um golpe perfeito. A disputa pela medalha foi contra Cedric Revol, que havia perdido a semifinal para Pelim. Nova vitória brasileira, por waza-ari.

Além dos dois, William Lima (66kg), Marcelo Marcelino (73kg) e Marcelo Contini (73kg) também competiram no Aberto de Sófia, sendo que os dois primeiros pararam nas oitavas de final e Contini ficou uma fase antes, a segunda rodada.

+ Siga o perfil oficial do OTD no Twitter

Pimenta bronze em Portugal

Larissa Pimenta ficou com o bronze no Aberto de Odivelas, em Portugal. Ela venceu por waza-ari a disputa da medalha contra a compatriota Sarah Menezes, que sai com o quinto lugar. Samara Oliveira (63kg) também competiu, sendo eliminada na primeira luta, válida pelas oitavas de final.

Larissa Pimenta bronze no Aberto de Odivelas, em Portugal
Larissa Pimenta, na direita (divulgação/EJU)

Para chegar ao pódio, antes de enfrentar Sarah Menezes, Larissa Pimenta venceu a estreia, pela segunda rodada, aplicando um golpe perfeito na russa Tatiana Aiakina. A seguir, nas quartas de final, nova vitória por ippon, mas sobre a polonesa Aleksandra Kaleta.

+ Leonardo é prata, Macedo e Buzacarin bronze em Tel Aviv

A única derrota foi na semifinal, para a japonesa Rina Tatsukawa, após tomar três punições.

Sarah Menezes também começou pelas oitavas de final e venceu por ippon a francesa Penelope Bonna. A derrota veio nas quartas, para a japonesa Mako Uchio, resultado que levou a brasileira para a repescagem. Lá ela venceu a portuguesa Teresa Santos por waza-ari e avançou para a disputa da medalha contra Larissa Pimenta.

Mais em Planeta Ippon