Siga o OTD

Pan 2019

Antoine Jaoud fica com o 5º lugar no estilo livre em Lima

Brasileiro perde a disputa do bronze para o venezuelano Luis Vivenes e fica com o quinto lugar nos Jogos Pan-Americanos de Lima

Reprodução/CBW

No último dia de competições do Wrestling, o Brasil foi representado por Antoine Jaoud, na categoria até 125kg no estilo livre. Nas lutas deste sábado (10), o brasileiro acabou sendo derrotado duas vezes, na semifinal e na disputa da medalha de bronze, e terminou sua participação nos Jogos Pan-Americanos de Lima com o quinto lugar.

“Os Jogos Pan-Americanos foi ótimo. Nossa equipe muito bem preparada, classificamos nove atletas. Minha participação como um todo foi boa porque estou voltando agora depois de quatro anos parado, por motivos pessoais, mas olhando para o que apresentei foi ruim. Os outros atletas estão em ritmo de competição, eu voltei a treinar em janeiro, estou um pouco atrás deles, mas foi uma vitória por estar aqui”, comentou Antoine.

Mesmo com 42 anos, o brasileiro se vê com condições para disputar uma das vagas para Tóquio 2020. “A meta é classificar o maior número de atletas para Tóquio. A confederação conversou sobre me colocar para disputar o Mundial este ano, que é classificatória para a Olimpíada de 2020, agora é focar nisso e tentar colocar o Brasil em mais uma edição de Jogos Olímpicos.

As lutas

Antoine Jaoud começou o dia enfrentando e vencendo o equatoriano Victor Mancheno. No confronto, o placar acabo terminando empatado em 5 a 5, porém, como foi o último a pontuar, o brasileiro saiu com a vaga na semifinal da categoria até 125kg no estilo livre do wrestling nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019.

Buscando uma vaga na decisão, Antoine teve um caminho difícil pela frente. No duelo contra o cubano Oscar Pino, o representante foi dominado durante a maior parte do tempo. Apesar de tentar Jaoud não teve chances e foi derrotado por superioridade técnica, que é quando o adversário abre pelo menos 10 pontos de diferença, caindo para a disputa da medalha de bronze.

No duelo por um lugar no pódio, o oponente foi Luis Vivenes, da Venezuela. Os primeiros movimentos do duelo foram mais de estudo do que de tentativas de golpes. Apesar do atleta venezuelanos buscar mais as pernas do brasileiro, Antoine não deixava por menos e respondia ao seu estilo.

Na metade do duelo, Luis Vivenes conseguiu o que queria. Em uma de suas investidas buscando as pernas do brasileiro o encaixe veio e o atleta venezuelano não demorou para abrir o placar, fazer vantagem e sair com o triunfo por 11 a 0, deixando o brasileiro com o quinto lugar.

GUIA PAN 2019 CALENDÁRIO    NOTÍCIAS

Mais em Pan 2019

viagra