Siga o OTD

Vôlei

Funvic Natal estreia com vitória no Mundial de Clubes

De virada e no tie-break, Funvic Natal inicia Mundial de Clubes de vôlei masculino com vitória para cima do UPCN, da Argentina

funvic natal UPCN mundial de clubes
(Divulgação/voleifunvic)

Foi aberto, nesta terça-feira (7), a disputa do Mundial de Clubes masculino de vôlei e o Brasil já venceu a primeira. No jogo que marcou a abertura do torneio, o Funvic Natal encarou o UPCN, da Argentina, no ginásio Divino Braga, em Betim, e venceu de virada no tie-break: 21/25, 22/25, 25/20, 25/21 e 15/12.

Destaque para o levantador Murilo, que jogou demais e comandou essa virada do Funvic Natal. No ataque, Gabriel fez 22 pontos e foi o principal pontuador. Pat foi bem com as bolas de meio e terminou com 18 pontos. Yudi foi a válvula de escape pela entrada de rede e marcou 14 pontos.

+ Confira a Tabela do Mundial de clubes de vôlei masculino 2021

Garantido no torneio graças a conquista da última Superliga masculina de vôlei, o Funvic Natal passou por enormes transformações desde então. Além da mudança de sede de Taubaté para Natal, a equipe passa por uma reformulação geral e vive uma temporada irregular até aqui, aparecendo inclusive na oitava colocação da atual edição da Superliga masculina.

Fora que Carlos Weber foi afastado antes do Mundial de Clubes começar. Com o técnico interino João Conceição, o Funvic Natal não se encontrou em quadra durante os dois primeiros sets. Mas a equipe reuniu forças, passou a errar menos e conseguiu uma grande vitória.

Ao término da partida, todos os jogadores correram para abraçar Weber, que estava acompanhando a partida da arquibancada do ginásio. Uma cena bem emocionante e que levanta muitas dúvidas, já que o Funvic Natal e Weber ainda não se pronunciaram sobre o assunto.

funvic natal UPCN mundial de clubes
(Reproduça/FIVB)

Formato do torneio

O time do Cruzeiro campeão Sul-Americano, está no Grupo B, ao lado do italiano Trentino Itas, vice-campeão da Champions League, e o Sirjan Foolad, do Irã, último campeão asiático.

No Grupo A do Mundial de clubes de vôlei masculino estão o argentino UPCN San Juan, vice-campeão Sul-Americano, o brasileiro Funvic Natal, último campeão da Superliga, e o Cucine Lube Civitanova, da Itália, campeão do último Mundial. Os italianos entraram na vaga deixada pelo polonês Zaksa Kedzyerzin-Kozle, atual vencedor da Europa, que não conseguirá disputar esta edição por causa da pandemia.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Com as seis equipes divididas em dois grupos, o Mundial de Clubes de vôlei masculino terá duas partidas por dia na fase classificatória. Os quatro melhores colocados avançam para as semifinais, em cruzamento olímpico e jogo único, assim como a grande decisão.

Mais em Vôlei

viagra