Siga o OTD

Vôlei

Praia Clube faz 3 sets a 0 e segue na ponta da Superliga feminina

Mesmo fora de casa, Praia Clube domina a maior parte do jogo, conta com excelente atuação coletiva das atacantes e mantém a ponta da Superliga feminina

praia clube superliga brasília
(Marcelo Cortes / CRF)

Segue o líder! Pela sétima rodada da Superliga feminina de vôlei da atual temporada, o Praia Clube venceu mais uma. Jogando fora de casa, o time mineiro fez 3 sets a 0 no Fluminense, nesta sexta-feira (26) e segue na ponta da competição nacional. O destaque do duelo foi a oposta Martinez.

+ Confira a Tabela da Superliga de vôlei feminino 2021/2022

O começo de jogo foi com o Praia Clube dominante. Com um ataque, dois bloqueios e um contra-ataque, o time mineiro abriu 4 a 0 e o jogo parou. Na volta para a quadra, o Fluminense conseguiu equilibrar as ações e deixou o marcador em 12 a 10. Na segunda metade da parcial, a equipe de Uberlândia voltou a ser superior e abriu 17 a 13, forçando mais uma parada. 

No retorno para a quadra, o time carioca voltou a crescer. Desta forma, a diferença no marcador caiu mais uma vez e foi a vez do Praia Clube parar o jogo. Na volta, o time visitante foi dominante e fechou o set em 25 a 17. 

O começo do segundo set foi equilibrado, com Fluminense e Praia Clube trocando pontos no primeiro terço da parcial. A igualdade se manteve até um pouco depois da metade dos pontos, quando o time de Uberlândia, com um ace e um bloqueio, fez 17 a 15. Na reta final, o time carioca cresceu no sistema defensivo e conseguiu encostar. Contudo, com um ataque de Martinez na saída de rede, as visitantes fecharam em 25 a 23 e fizeram 2 sets a 0. 

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

A terceira parcial começou com o Praia Clube sendo superior e a vantagem no placar apareceu, com 8 a 5. Na sequência, a equipe de Uberlândia manteve o ritmo e colocou ainda mais frente no marcador, com 14 a 8. Com a diferença no marcador, as mineiras precisaram só manter a virada de bola para fechar em 25 a 18 e fazer 3 sets a 0.

A competição

A Superliga teve início no dia 23 de outubro com três jogos da primeira rodada masculina, enquanto a competição feminina começou um pouco depois, no dia 28 de outubro, com um confronto.

Em ambos os naipes os duelos de quartas de final, semifinais e finais serão todos disputados em série melhor de três. As finais da competição feminina estão programadas para os dias 22, 29 de abril e 6 de maio. No masculino, a série decisiva será em 23, 30 de abril e 7 de maio.

A Superliga feminina de vôlei 21/22 contará com Brasília Vôlei (DF), Curitiba Vôlei (PR), Dentil/Praia Clube (MG), Pinheiros (SP), Fluminense (RJ), Itambé/Minas (MG), Osasco São Cristóvão Saúde (SP), Country Club Valinhos (SP), Unilife-Maringá (PR), Barueri Volleyball Club (SP), Sesc RJ Flamengo (RJ) e Sesi Vôlei Bauru (SP).

O primeiro jogo do feminino reunirá Brasília Vôlei (DF) e Unilife-Maringá (PR), no dia 28 de outubro, às 17h, no Sesi Taguatinga, em Brasília (DF). O Canal Vôlei Brasil transmitirá ao vivo.

Mais em Vôlei

viagra