Siga o OTD

Bernardinho

Vôlei

Bernardinho será o técnico da França no ciclo para Paris-2024

Com o objetivo de levar a seleção masculina do país ao ouro em Paris-2024, a Federação Francesa fechou contrato de três anos com Bernardinho

Alexandre Loureiro/Exemplus/COB

Bernardinho será o técnico da França no ciclo para Paris-2024

Bernardinho será o técnico da seleção francesa de vôlei masculino no ciclo para Paris-2024. O treinador, que tem seis medalhas olímpicas no currículo, assinou três anos de contrato e vai assumir a equipe europeia depois dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020. Apesar do acerto com a equipe europeia, o multicampeão não vai deixar o comando do Sesc RJ Flamengo.

Bernardinho deixou o comando da seleção brasileira de vôlei masculino logo após a medalha de ouro conquistada na Rio-2016. E é exatamente com o objetivo de alcançar o lugar mais alto do pódio na Olimpíada que ocorrerá em seus domínios que a Federação Francesa faz sua aposta no experiente treinador, de 61 anos.

+Fernanda Garay quer ir para Olimpíada, mas vai parar depois para ser mãe

Bernardinho ganho duas medalhas de bronze pela seleção brasileira de vôlei feminino em 1996 e 2000. A partir de Atenas, dirigiu a masculina, que levou aos títulos de 2004 e 2016, além dos vices em 2008 e 2012. Além disso, foi três vezes campeão mundial com os homens (2002, 2006 e 2010), faturou oito vezes a Liga Mundial e ganhou com as mulheres três vezes o Grand Prix.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

A primeira competição de Bernardinho no comando da seleção francesa será o Campeonato Europeu, marcado para acontecer entre 2 e 19 de setembro de 2021. O brasileiro será o primeiro estrangeiro a digirir a equipe masculina de vôlei do país desde 1995, quando o russo Vladimir Kondra foi o técnico.

Os dois assistentes de Bernardinho na seleção francesa devem ser Rubinho, que dirigiu o Sesi Bauru na última edição da Superliga, e Maurício Paes, atual treinador do Tourcoing, da França.

Mais em Vôlei