Siga o OTD

Lucas Rangel Panathinaikos campeão Grécia

Vôlei

Lucas Rangel brilha em título histórico do Panathinaikos

Central brasileiro foi destaque do time, que bateu mais uma vez o arquirrival Olympiakos e conquistou o nacional da Grécia encerrando 14 anos de jejum

Panathinaikos, de Lucas Rangel (esq), comemora o título do Campeonato Grego (Volley League)

Lucas Rangel brilha em título histórico do Panathinaikos

Contando com o brasileiro Lucas Rangel como um dos destaques, o Panathinaikos sagrou-se campeão da liga da Grécia de vôlei neste domingo (12), encerrando 14 anos de jejum. O time voltou a derrotar o Olympiakos, agora por 3 sets a 1, com parciais de 22/25, 25/22, 25/15 e 25/13, e fechou a final melhor de três com duas vitórias convincentes para conquistar o 19º título de sua história na competição.

+ Thaisa cobra consciência no combate ao coronavírus

Um dos atletas mais participativos do confronto, Lucas Rangel foi um dos destaques na segunda vitória do Panathinaikos. O central, que fechou o torneio como o maior bloqueador, foi responsável por nove pontos para a sua equipe durante o duelo decisivo, sendo quatro provenientes de lances de ataque e cinco de bloqueios.

Na primeira partida da final contra os arquirrivais, na quinta-feira (9), o brasileiro foi o maior pontuador com 16, seis deles levantando o muro na rede. Com o título confirmado, o central fez muita festa com os companheiros no vestiário e depois na entrega da taça (assista abaixo).

A conquista do nacional da Grécia foi o segundo título do Panathinaikos na temporada. Em fevereiro deste ano a equipe de Lucas Rangel já havia superado o Olympiakos numa final e levantou o troféu de campeão da Taça da Liga.

O jogo

O confronto começou de maneira favorável ao Olympiakos. Com a necessidade da vitória para forçar um terceiro e decisivo duelo, a equipe vermelha conseguiu impôr uma boa sequência de pontos, rendendo uma vantagem que foi mantida até o final da parcial vencida por 25 a 22.

No entanto, o Panathinaikos não se deixou abalar já deu a resposta logo na sequência. No set mais disputado do confronto, a equipe dos verdes conseguiu uma belíssima virada na reta decisiva e igualou o duelo com um novo 25 a 22.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

O Olympiakos acabou dando sinais que sentiu a virada do adversário no segundo set após ter uma considerável vantagem. Por outro lado, o Panathinaikos deu mostras que a confiança de seus atletas estava em alta e fechou o terceiro set com muita tranquilidade: 25 a 15.

O duro golpe foi ainda mais sentido pelo Olympiakos, que não conseguiu apresentar nenhuma resistência para o Panathinaikos no quarto set. Contando com uma nova atuação de gala Alexandros Raptis, eleito o melhor jogador da competição, que sozinho foi responsável por 19 pontos no duelo, a equipe não tomou conhecimento do adversário, fechou o confronto e confirmou o título de campeão na Grécia após um 25 a 13 na quarta parcial.

Mais em Vôlei