Siga o OTD

Jerusa Geber atletismo jogos paralímpicos de Tóquio

Tóquio 2020

Jerusa Geber retorna e se classifica nos 200 m após eliminação nos 100 m

O choro da desclassificação já ficou no passado e Jerusa Geber vem forte para os 200 m T11

Jerusa Geber e o guia Gabriel Garcia acenam no Estádio Olímpico de Tóquio 2020 (Fotos Wander Roberto /CPB @wander_imagem)

Jerusa Geber retorna e se classifica nos 200 m após eliminação nos 100 m

É competindo que o atleta se motiva e renova as esperanças. Jerusa Geber, que era favorita ao ouro nos 100 m da classe T11, foi desclassificada e desabou em lágrimas. Mas em seu retorno às pistas do Estádio Olímpico, a velocista passou com tranquilidade pela classificatória dos 200 m e vem forte para pegar sua medalha nos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020.

“O que passou, passou. Agora é cabeça erguida e pensar nesta prova. Descansar para a semifinal para chegar bem na final e dar o meu melhor”, disse Jerusa Geber, multimedalhista nos 100 m, mas que ainda persegue seu pódio nos 200 m dos Jogos Paralímpicos. Quem sabe Tóquio seja sua redenção.

+ Confira o Guia Paralímpico do OTD!

Ela anotou o tempo de 25s86 e passou com o melhor tempo em sua classificatória. E olha que Jerusa Geber ficou bem longe de dar tudo, já que os 200 m exigem muito e há ela frente a semifinal e a final. Sem falar que toda prova deixa os nervos à flor da pele.

Jerusa Geber atletismo jogos paralímpicos de Tóquio
Jerusa Geber acelera nos 200 m T11 e se garante na semifinal (Fotos Wander Roberto /CPB @wander_imagem)

“Mesmo sendo minha quarta paralimpíada, dá aquele nervoso, aquele frio na barriga. Mas é tentar não se preocupar com o que vem pela frente, mas sempre pensando positivo”, completou Jerusa Geber. O guia da velocista, Gabriel Garcia também comentou sobre o momento da dupla.

“Estamos tranquilos. A prova dos 200 m é muita resistência. Então a gente soltou a perna na classificatória para poder dar o melhor quando for buscar o resultado, ressaltou.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Bonde do Brasil

E teremos outras duas brasileiras nas semifinais dos 200 m T11. Lorena Spoladore anotou 26s20 na segunda bateria da classificatória e também avançou. Por sua vez, Thalita Simplício venceu a quarta e última bateria, fez o tempo de 25s45 e cravou o melhor tempo entre as atletas que vão disputar a semifinal.

Sendo assim, o Brasil terá três atletas entre as oito semifinalistas dos 200 m T11. E se Thalita Simplício fez o melhor tempo da classificatória, Jerusa Geber fez o segundo melhor. Já Lorena Spoladore foi a quinta melhor. Apenas as quatro mais rápidas avançam para a final.

atletismo jogos paralímpicos de Tóquio
Lorena Spoladore corre a prova dos 200 m T11 nos Jogos Paralímpicos de Tóquio (Fotos Wander Roberto /CPB @wander_imagem)

+RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

No melhor cenário possível, poderemos ter as três brasileiras na final da prova, o que já garantiria mais duas medalhas no quadro dos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020.

Mais em Tóquio 2020