Siga o OTD

Tênis

Veja o caminho dos brasileiros no quali do Australian Open

Thiago Wild, Felipe Meligeni, Carol Meligeni e Laura Pigossi representam o Brasil no quali do primeiro Grand Slam do ano

Thiago Wild, Felipe Meligeni, Carol Meligeni e Laura Pigossi representam o Brasil no Australian Open
(Divulgação)

Vai começar! Neste domingo (9), foram sorteadas as chaves do qualifying do Australian Open, definindo o caminho dos brasileiros que estarão na disputa. São eles: Thiago Wild, Felipe Meligeni, Carol Meligeni e Laura Pigossi. O quali começa na noite deste domingo, enquanto a chave principal do primeiro Grand Slam do ano terá início no dia 17.

No masculino, Thiago Wild entrou como cabeça de chave número 13 e só vai encarar outro tenista mais bem colocado no ranking em uma eventual fase final. Sua estreia será diante do italiano Thomas Fabbiano, de 32 anos e número 204 do mundo. O vencedor pega na segunda rodada quem avançar entre o japonês Go Soeda ou o português Frederico Ferreira Silva. Se conseguir chegar a terceira e última rodada, Thiago Wild deverá ter pela frente o equatoriano Emilio Gomez, o cabeça de chave número 23.

+Marcelo Melo é vice e Thiago Monteiro vence na Austrália

Já Felipe Megeni começa sua campanha encarando o argentino Juan Pablo Ficovich, número 236 do ranking da ATP. Eles já se enfrentaram duas vezes, ambas com derrotas do brasileiro em futures. Na segunda rodada do quali do Australian Open, se avançar, o brasileiro pega o vencedor do duelo entre o italiano Salvatore Caruso ou o esloveno Blaz Rola. E por fim, caso chegue à terceira rodada, o principal cotado é o japonês Taro Daniel, cabeça de chave sete.

Desafio para as mulheres

Já no feminino, diferente de Thiago Wild e Felipe Meligeni, as brasileiras não deram tanta sorte e terão pedreiras pela frente. Atual número dois do Brasil, Laura Pigossi foi quem teve mais azar. Ela estreia diante da sérvia Nina Stojanovic, atual número 116 do mundo e cabeça de chave quatro. Elas já se enfrentaram uma vez, em 2017, no quali de Rabat, e com derrota da brasileira.

Além da difícil adversária, Laura Pigossi vem sofrendo com dores nas costas deste o final da temporada passada. “Depois de jogar em Traralgon, tive dois dias difíceis. Fui ao médico, ele me passou antiinflamatório, e consegui treinar super bem ontem duas horas. E hoje fiz uma hora e meia”, explicou a medalhista olímpica que disputa seu primeiro Grand Slam.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Já Carol Meligeni, que também sua primeira partida de Grand Slam, começa sua campanha contra a húngara Dalma Galfi, número 124ª no ranking da WTA e cabeça de chave 12. Elas já se enfrentaram uma vez, com vitória da húngara, há cinco anos atrás.

“Jogamos há muito tempo atrás. Sei que ela joga bem, teve um bom ano em 2021 e espero entrar em quadra e fazer o meu melhor. Estou animada de estar aqui na Austrália e feliz com a oportunidade de jogar meu primeiro Grand Slam. As expectativas são boas. Fiz uma boa pré-temporada, trabalhei vários aspectos do meu jogo e estou me sentindo bem”, concluiu Carol Meligeni.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Tênis