Siga o OTD

Simona Halep - US Open - Coronavírus

Coronavírus

Halep é a sexta atleta do top 10 a desistir do US Open

Vice-líder do ranking disse preferir colocar a saúde em primeiro lugar e aumenta lista de desistência do Grand Slam em Nova York

Simona Halep é a atual número dois do mundo (Instagram/simonahalep)

Halep é a sexta atleta do top 10 a desistir do US Open

O US Open ganhou mais uma baixa de peso. Nesta segunda-fera (17), a atual número dois do mundo, Simona Halep, anunciou que não vai disputar o Grand Slam por preocupações com o coronavírus. Assim, a romena é a sexta tenista do top 10 da WTA a desistir do torneio, marcado para 31 de agosto.

Halep se junta então à número um do mundo Ashley Barty e à atual campeã Bianca Andreescu, além de Elina Svitolina, Kiki Bertens e Belinda Bencic, que não irão a Nova York.

+Luisa Stefani e Hayley Carter são campeãs do WTA de Lexington

“Depois de pesar todos os fatores envolvidos e as circunstâncias excepcionais em que vivemos, decidi que não vou viajar para Nova York para jogar o US Open”, escreveu Halep nas redes sociais.

“Sempre disse que colocaria a minha saúde no centro da minha decisão e por isso prefiro ficar e treinar na Europa. Sei que a USTA e a WTA trabalharam incansavelmente para realizar um evento seguro e desejo a todos um torneio de sucesso”, completou.

A decisão de Halep vem no dia seguinte à conquista do WTA Praga, seu primeiro evento desde que a pandemia de coronavírus paralisou o circuito profissional.

Simona Halep - US Open - Coronavírus
Halep conquistou primeiro título desde o início da pandemia (Instagram/simonahalep)

Desistências aumentam

Além de Halep e as outras cinco tenistas do top 10 da WTA, a chave masculina também sofreu baixas importantes. Atual número dois do mundo, Rafael Nadal não irá disputar o US Open pelos mesmos motivos da romena. Além dele, Nick Kyrgios também não estará em Nova York, assim como Roger Federer, mas por recuperação de lesão.

No domingo (16), Kei Nishikori disse ter testado positivo para o coronavírus e está fora do Masters 1000 de Cincinnati. Ele repetirá os exames para saber se poderá ou não jogar o US Open.

+SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Novak Djokovic e Andy Murray, no entanto, confirmaram presença, com o britânico tendo ganhado um wild card. Além deles, os brasileiros Luisa Stefani, Marcelo Melo, Thiago Monteiro e Thiago Wild estão confirmados no Grand Slam.

Mais em Coronavírus