Siga o OTD

Ian Gouveia campeão brasileiro de surfe CBSurf Pro Tour campeão

Surfe

Ian Gouveia vence na Bahia e leva o circuito brasileiro de surfe

Filho do lendário Fabio Gouveia chega correndo por fora, mas aproveita a chance, fatura a etapa de Vilas do Atlântico e leva o CBSurf Pro Tour 2020

(Alexandre de Toledo Piza)

Ian Gouveia vence na Bahia e leva o circuito brasileiro de surfe

O pernambucano Ian Gouveia conquistou o título de campeão do CBSurf Pro Tour, o brasileiro profissional de surfe masculino, neste sábado (19) em um desfecho emocionante nas ondas de Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas, na Bahia.

Ele viajou para a Bahia apenas em sexto lugar no ranking, que era liderado pelo paulista Marcos Corrêa. Porém, seus concorrentes foram caindo ao longo da etapa, incluindo o líder, derrotado na semifinal. Com isso, Ian Gouveia chegou na final precisando de um segundo lugar para levar o circuito brasileiro de surfe, mas fez ainda mellhor saindo com a vitória.

“Estou amarradão! Estava bem confiante em meu trabalho, no que tenho feito nesses últimos tempos, e também entrei bem confiante nas baterias. Sei do meu potencial, do meu merecimento, e trabalhei muito pra isso”, vibrou o ex-integrante da elite mundial de surfe.

Ian Gouveia campeão brasileiro de surfe CBSurf Pro Tour campeão
Ian Gouveia (Alexandre de Toledo Piza)

Arrancada

O novo campeão brasileiro começou muito mal no CBSurf Pro Tour, amargando um 49º lugar na primeira etapa, em Ubatuba, mas cresceu com o segundo lugar no Ceará.

Criado em Florianópolis e radicado na praia de Maresias, em São Sebastião, litoral norte de São Paulo, Ian Gouveia é filho de um dos maiores surfistas da história brasileira – o ícone Fabio Gouveia. “Estou muito feliz por finalmente conquistar um título. Isso é muito importante pra mim e quero agradecer a toda a equipe que cuida de mim e aos meus patrocinadores.”

A final

A final reuniu Ian Gouveia, Edgard Groggia, que também estava na briga pela taça, Bino Lopes e Franklin Serpa. Edgard chegou a liderar o placar, mas com notas 5,80 e 7,50, Ian Gouveia faturou a etapa. No placar, somou 13,30 pontos. Edgard ficou em segundo com 11,75, seguido por Bino Lopes, com 11,70, e Franklin Serpa, somando 10,20 pontos.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

A etapa distribuiu R$ 80 mil em premiação, igualmente dividida entre as duas categorias, com R$ 12 mil aos vencedores. Na sexta-feira (18), a cearense Yanca Costa já havia erguido a taça de campeã brasileira feminina, enquanto a sua conterrânea Silvana Lima ficou com a vitória na etapa.

Mais em Surfe