Siga o OTD

Surfe

Brasil ainda segue vivo na etapa de Margaret River

Matt Dunbar / WSL

Brasil ainda segue vivo na etapa de Margaret River

Mais um dia da janela realizado, e a Etapa de Margaret River – 4ª do Mundial de Surfe – vai chegando ao fim. No 5º dia da janela, foram realizados: oitavas e quartas masculinos e as duas baterias restantes das quartas do feminino. E o Brasil ainda está vivo. Peterson Crisanto e Italo Ferreira foram eliminados, mas Caio Ibelli e Tatiana Weston-Webb estão vivos na briga. Eles surfaram com personalidade baterias duríssimas e chegam para o Final’s Day com muita moral! A próxima chamada é neste domingo (2) às 20h30.  Assista ao vivo ao Final’s Day da Etapa de Margaret River, na Austrália, aqui no OTD

+ VEJA O GUIA DO CT 2019

Italo Ferreira mostra atitude, mas para diante de John John

Um dia antes, nas ondas tubulares de The Box de Margaret River, Italo mostrou muita atitude e vontade para vencer bateria diante de Soli Bailey (AUS), pelo Round 3.

Agora, nas oitavas, surfou mais uma vez com vontade, fluidez e força para vencer um adversário duríssimo e de alto nível: Michel Bourez (FRA).

Com um backside afiado a cado ano que passa, Italo construiu seu score fazendo o que os juízes pedem: velocidade, força e fluidez. Variou as manobras, pegou as melhores ondas da bateria.

Porém, nas quartas contra John John, o potiguar não foi páreo para um inspirado John John, que vem com grande favoritismo para conquistar mais um título no Mundial de Surfe 2019.

Caio Ibelli elimina ninguém menos que Kelly Slater

Caio Ibelli elimina grandes favoritos em Margaret River (Divulgação / WSL)

Caio Ibelli é, sem dúvidas, um dos grandes nomes da etapa de Margaret River. No Round 3, em The Box, ele eliminou Gabriel Medina, um monstro nos tubos.

Agora, pelas oitavas, em Main Break, o pico principal da 4ª etapa do Mundial de Surfe, ele venceu, liderando de ponta a ponta, o maior da história: Kelly Slater.

Depois, nas quartas, em uma bateria emocionante, Caio Ibelli venceu Jordy Smith (AFS), seu algoz na decisão em Bells Beach em 2017, por 0.02!

O atleta brasileiro está surfando os eventos como convidado, pois não recebeu o wildcard de lesão, e ele está mostrando nesta etapa que a WSL errou muito ao deixá-lo de fora dos melhores do mundo.

Peterson Crisanto luta até o final, mas perde para Julian Wilson

O brasileiro Peterson Crisanto bem que lutou, mas não conseguiu superar o vice-campeão mundial de 2018: Julian Wilson.

O surfista australiano, que não está bem no Mundial de Surfe em 2019 já consegue a sua melhor classificação em uma etapa em 2019. Mas ele quer mais, e pode sair com o título em Margaret River.

Tatiana Weston-Webb nas semifinais!

Tati Weston-Webb faz sua melhor colocação em 2019 (Divulgação / WSL)

A brasileira consegue, assim como Julian, a sua melhor colocação no Mundial de Surfe até o momento.

Ela já garante, pelo menos, um 3º lugar ao chegar nas semis, mas ela pode mais, e para chegar à final terá que vencer a aguerrida e talentosa Sally Fitzgibbons (AUS).

O que será que Margaret River reserva para os brasileiros para o Final’s Day?

Oitavas de final masculino:

Bateria 1: Italo Ferreira (BRA) 13.74 x 12.14 Michel Bourez (FRA)

Bateria 2: John John Florence (EUA) 13.67 x 12.40 Sebastian Zietz (EUA)

Bateria 3: Caio Ibelli (BRA) 14.50 x 10.26 Kelly Slater (EUA)

Bateria 4: Jordy Smith (AFS) 14.16 x 10.77 Conner Coffin (EUA)

Bateria 5: Jack Robinson (AUS) 9.97 x 14.20 Seth Moniz (EUA)

Bateria 6: Owen Wright (AUS) 12.73 x 15.26 Kolohe Andino (EUA)

Bateria 7: Julian Wilson (AUS) 16.27 x 11.70 Peterson Crisanto (BRA)

Bateria 8: Ryan Callinan (AUS) 14.57 x 14.07 Kanoa Igarashi (JAP)

Quartas de final masculino

Bateria 1: Italo Ferreira (BRA) 15.36 x 17.73 John John Florence (EUA)

Bateria 2: Caio Ibelli (BRA) 15.26 x 15.24 Jordy Smith (AFS)

Bateria 3: Seth Moniz (EUA) 13.134 x 13.90 Kolohe Andino (EUA)

Bateria 4: Julian Wilson (AUS) 13.40 x 11.60 Ryan Callinan (AUS)

Semifinais masculino

Bateria 1: John John Florence (EUA) x Caio Ibelli (BRA)

Bateria 2: Kolohe Andino (EUA) x

Quartas de final feminino:

Bateria 1: Courtney Conlogue (EUA) 13.10 x 14.26 Tatiana Weston-Webb (BRA)

Bateria 2: Caroline Marks (EUA) 14.40 x 15.50 Sally Fitzgibbons (AUS)

Bateria 3: Carissa Moore (EUA) 13.84 x 8.50 Brisa Hennessy (CRI)

Bateria 4: Stephanie Gilmore (AUS) x Lakey Peterson (EUA)

Semifinais

Bateria 1: Tatiana Weston-Webb (BRA) x Sally Fitzgibbons (AUS)

Bateria 2: Carissa Moore (EUA) x Lakey Peterson (EUA)

Mais em Surfe