Siga o OTD

Brasil vai bem em Grand Prix, mas peca no Mundial; relembre 2017

Saltos Ornamentais

Isaac Souza e Tammy Galera conquistam ouro no Troféu Brasil

Divulgação

Isaac Souza e Tammy Galera conquistam ouro no Troféu Brasil

No segundo dia do Troféu Brasil de saltos ornamentais, Isaac Souza e Tammy Galera sobem no lugar mais alto do pódio. Competição segue nesta sexta.

No segundo dia de competições do Troféu Brasil de saltos ornamentais, realizado no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro, o atleta Isaac Souza venceu a prova de plataforma masculino e, no feminino, Tammy Galera conquistou o ouro no trampolim de 3 metros. Já na disputa por equipes, melhor para a dupla Outerelo e Ingrid. Entretanto, nesta quarta, não houve índice para as competições internacionais.

O saltador do Instituto Pró-Brasil, Isaac Souza, conquistou a medalha de ouro no prova de plataforma, com 362,85 pontos, seguido por Jackson Rondinelli do Pinheiros, com 358,05 e Kaik Souza do Tuna, com 319,75.

No trampolim de 3 metros feminino, Tammy Galera, especialista na prova, garantiu o ouro, com 263,95 pontos. Luana Lira, do CIEF (213,35) e Ana Beatriz Valença do Pinheiros (201,45), fecharam o pódio. A saltadora de 27 anos, Tammy Galera, especialista nesta prova, ficou feliz com o seu desempenho.

“Na eliminatória eu não tinha competido tão bem, mas eu estava bastante concentrada, então eu fui pra saltar o que eu salto normalmente e fazer uma prova tranquila. Cometi um pequeno erro no final, pois eu tive uma saída menor do que eu estou acostumada, porém eu fiquei bem satisfeita com a prova e com a medalha de ouro. Hoje era minha principal prova, então agora eu vou mais tranquila para os próximos dias da competição, para fazer um bom desempenho e ter um bom resultado para a minha equipe no Troféu Brasil”, disse a atleta do Fluminense.

Já na prova de equipe, melhor para a dupla do Flu. Luiz Felipe Outerelo e Ingrid Oliveira, garantiram o ouro, com 343,15 pontos. O segundo lugar ficou para os atletas do Pinheiros, Jackson Rondinelli e Thais Rocha, com 292,55 pontos. E na terceira colocação, Luis Felipe Moura e Bruna Maia do Instituto Pró-Brasil, com 282,00 pontos.

Isaac Souza e Ingrid Olivera são os únicos atletas que possuem Índice A para as competições internacionais. Ambos, conquistaram através da prova na plataforma. Isaac conquistou o índice na Taça Brasil, em dezembro de 2017 e a atleta do Fluminense, garantiu a vaga no primeiro dia de Troféu Brasil de 2018. Os saltadores que ainda não possuem índices também podem consegui-los nos próximos dias da competição.

As disputas continuam na manhã desta sexta-feira (6), no Maria Lenk, na Barra da Tijuca, com entrada gratuita e transmissão ao vivo pelo site oficial da CBDA. A competição serve como seletiva para várias competições internacionais e os atletas que obtiverem índice estarão classificados para as seguintes competições: Grand Prix do Canadá, Copa do Mundo, Jogos Sul-Americanos e Campeonato Sul-Americano de Desportos Aquáticos.

Mais em Saltos Ornamentais