Siga o OTD

Primeiro dia do Campeonato Brasileiro Interclubes (CBI) de Remo Barcos Curtos 2020 Desafio Remo Brasil Foto: Divulgação/CBR

Remo

SC e SP lideram o ranking do 2º Desafio Remo Brasil 2020

Competição disputada de maneira virtual teve C. N. Francisco Martinelli como campeão e o Pinheiros na segunda colocação

Equipes de Santa Catarina e São Paulo fizeram o pódio da segunda edição (Divulgação Remo Brasil)

SC e SP lideram o ranking do 2º Desafio Remo Brasil 2020

No 2º Desafio Remo Brasil, que aconteceu entre o dia 12 de agosto de 15 de setembro, Santa Catarina soltou o grito de campeão. Em competição disputada de maneira virtual, o C. N. Francisco Martinelli venceu quatro categorias e ficou em primeiro. O Pinheiros, de São Paulo, foi o segundo colocado e o C. N. América, de Blumenau, foi o terceiro. 

Nesta edição, o Desafio Remo Brasil se inspirou nas principais raias de remo do mundo para criar cinco desafios, disputados por 122 participantes. A competição consistia em cinco desafios, disputados em cinco semanas. A CBR (Confederação Brasileira de Remo) divulgava a nova fase da competição através das redes sociais e os participantes tinham uma semana para realizar a tarefa. Por conta da pandemia, a competição foi feita através do remoergômetro, que imita o movimento da remada fora da água.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

O C. N. Francisco Martinelli (SC), de Florianópolis, venceu em quatro categorias, repetindo o resultado da primeira edição do evento. Em seguida, o Pinheiros, de São Paulo teve três vitórias e o C. N. América (SC), de Blumenau, duas vitórias. Esta edição também teve vencedores do Espírito Santo, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Argentina.

Disputa individual

Nesta edição, diferente da primeira, também foram premiados atletas com maior pontuação geral, independente de categoria. O topo do ranking foi com dobradinha do Esporte Clube Pinheiros (SP), com Alina Dumas vencendo no feminino e Olavo Vinicius Pelegrino vencendo no masculino. Ambos os atletas são da categoria Absoluta, com 28 e 23 anos de idade respectivamente.

Na segunda posição, a dobradinha foi catarinense: Giulia Renata Alves dos Santos, do Clube Náutico América (SC) foi vice-campeã feminina e Adriano João Teixeira, do Clube Náutico Francisco Martinelli (SC), foi vice-campeão masculino. A remadora Giulia, da categoria Júnior B, se destacou no ranking feminino. Com apenas 16 anos, ficou em primeiro lugar nas cinco etapas e 26 segundos atrás da vencedora no Desafio 05, critério de desempate no ranking.

Mais em Remo