Siga o OTD

Planeta Ippon

Riner e federação internacional rebatem ataques racistas

Judoca francês postou foto de abraço em rival branco enquanto FIJ publicou texto sob o título “Família do judô ergue-se contra o racismo”

Teddy Riner racismo FIJ
Riner ficou cerca de uma década invicto, ou exatas 154 lutas (Gabriela Sabau/FIJ)

O francês Teddy Riner e a IJF (Federação Internacional de Judô) reagiram aos ataques de racismo sofridos pelo judoca e mais dois atletas daquele país. No domingo (28), fotos dos três foram vandalizadas no Instituto de Esporte, Expertise e Performance (Insep) de Paris, que também se manifestou repudiando o ocorrido.

Teddy Riner, bicampeão olímpico e nove vezes campeão mundial adulto, usou as redes sociais para responder. Publicou uma foto sua dando um forte abraço em um rival branco com a frase “se permanecermos unidos, venceremos essa luta”, seguidos das hashtags #Respect e #TousUnisContreLaHaine (Todos contra o ódio).

A IJF emitiu uma nota oficial em francês, inglês e espanhol condenando o ocorrido com Teddy Riner. “A Federação Internacional de Judô e toda a família do judô erguem-se com determinação para condenar esse ato covarde, vil e em total oposição aos valores de solidariedade mútua e bem-estar defendidos pelo código moral do judô”.

Acrescenta que “qualquer forma de racismo não tem espaço no esporte ou na sociedade. Vai contra todos os valores humanistas que promovemos em busca de permitir o desenvolvimento de um mundo mais justo. É fundamental combater o racismo, e lutarmos todos juntos”.

Apoio global contra o racismo

A entidade encerra reafirmando que apoia os atletas do mundo todo e de todas as modalidades esportivas, sem qualquer forma de racismo e discriminação, e que “continuará usando tudo o que sabe para combater o racismo”.

O Insep também se manifestou via redes sociais condenando “veementemente os insultos racistas” sofridos por Teddy Riner e os outros atletas nas fotos que exibia em suas dependências. “O Insep é a imagem da diversidade da França: mulheres, homens de todas as origens.

Mais em Planeta Ippon