Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

Bruno Carra fica em nono lugar no terceiro dia do Mundial

Único brasileiro neste dia do Mundial na Geórgia, Bruno Carra celebrou resultado já que se recupera de lesão

Bruno Carra fica em nono lugar no terceiro dia do Mundial de halterofilismo
(Instagram/bubulift)

No terceiro dia do Campeonato Mundial de halterofilismo em Tbilisi, na Geórgia, o Brasil foi representado por apenas um atleta. Nesta terça-feira (30), Bruno Carra, na categoria até 59kg, terminou na nona posição. Desta forma, o Brasil segue sem medalhas na disputa sênior e três na júnior.

Bruno Carra era uma das esperanças de medalha do Brasil no Mundial de halterofilismo. Ele começou com 156kg e melhorou a marca, levantando 160kg na sequência e assumindo a liderança da prova. No entanto, ele acabou falhando a tentativa de levantar 162kg e ficou com a nona posição.

“Fiquei com a nona colocação e levando em conta a lesão que venho me recuperando, desde os jogos de Tóquio, encaro esse resultado como positivo. Primeira competição do ciclo de Paris-2024 e prometo a vocês que vou dar o meu melhor até lá para poder orgulha-los e realizar meu sonho”, destacou Bruno Carra nas redes sociais.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMFACEBOOK E TIKTOK

Assim, o Brasil segue sem subir ao pódio nesta edição do torneio sênior. O melhor resultado foi o de João França Júnior, que terminou em sexto lugar. Logo atrás vem Lara Lima, que terminou em sétimo, além de ter conquistado medalha de ouro na categoria júnior do Mundial.

Por fim, o Mundial de halterofilismo vai até o próximo domingo, dia 5 de dezembro. A seleção brasileira é composta por 17 atletas na categoria Sênior, e todos os sete que representaram o Brasil em Tóquio também estão em Tbilisi. O principal destaque é Mariana D’Andrea, que foi medalha de ouro na Paralimpíada e compete na próxima quinta-feira (2).

Mais em Paralimpíada Todo Dia

viagra