Siga o OTD

Jogos Sul-Americanos

Maria Iêda Guimarães fica em quarto e garante o bronze

Divulgação

Maria Iêda Guimarães fica em quarto e garante o bronze

Maria Iêda Guimarães fica a poucos pontos da terceira colocação do Pentatlo Moderno nesta quarta-feira (6) nos Jogos Sul-Americanos de Cochabamba, mas mesmo assim consegue a medalha de bronze

Treze pontos deixaram Maria Iêda Guimarães fora do pódio do Pentatlo Moderno nesta quarta-feira (6) nos Jogos Sul-Americanos de Cochabamba. Mesmo com o quarto lugar, a brasileira conseguiu alcançar a medalha de bronze, já que o regulamento da competição não permite um pódio formado por três atletas do mesmo país.

Maria Iêda teve um mal começo na prova de natação. Ela acabou a prova em 2min37s81 e ficou com a sétima posição e somou 235 pontos.

Apesar do mal desempenho na piscina, a brasileira conseguiu se recuperar na prova da Esgrima, acabando na segunda posição e somando 501 pontos.

Na prova de hipismo, Maria Iêda terminou a prova na quarta colocação, com 14 penalizações. Dessa forma, ela somou mais 286 pontos e chegou a 787 pontos.

Para fechar a disputa, Maria Iêda ficou com em quinto na prova combinada ao terminar o percurso em 15min44s, somando mais 356 pontos, ficando com um total 1143 pontos.

Nesta quinta-feira (7), foi a vez de Victor Barbosa participar na prova masculina. O brasileiro teve um ótimo começo, terminando a prova de Natação na primeira posição e somando 282 pontos.

Na prova de Esgrima, Barbosa não repetiu o desempenho anterior e ficou em terceiro lugar, adicionando mais 259 pontos.

Porém, na prova de Hipismo, as coisas se complicaram para o brasileiro. Ele teve problemas durante a execução da prova e acabou no sexto lugar, somando mais 258 pontos.

Na série combinada, Victor Barbosa conseguiu a quarta colocação e colocou mais 511 pontos na conta, fechando a prova com um total de 1.310 pontos. Essa pontuação o deixou oito pontos atrás do Sergio Villamayor, que ficou com a medalha de bronze.

 

 

Mais em Jogos Sul-Americanos