Siga o OTD

Rogério-Moraes Veszprém

Handebol

Veszprém, de Rogério Moraes, conquista o título da Copa da Hungria

Time é melhor a maior parte do tempo, vence por 28 a 26 e conquista o terceiro título em quatro decisões

Uros Hocevar / kolektiff

Veszprém, de Rogério Moraes, conquista o título da Copa da Hungria

Na decisão da Copa da Hungria de handebol masculino, o Veszprém, de Rogério Moraes, voltou a conquistar o título. Nesta segunda-feira (12), o time do pivô da seleção brasileira venceu o Pick Szeged, que era o atual campeão, por 28 a 26. O título é o terceiro da equipe nas últimas quatro decisões. Na temporada passada a competição não aconteceu por conta da pandemia da Covid-19.

-CSKA Moscou, de Chana Masson, avança para o Final 4 da Champions

Agora, o Telekom Veszprém foca suas atenções nas duas frentes que restam para a equipe. No campeonato húngaro, o time de Rogério Moraes lidera e é o único invicto, com 18 vitórias e um empate. Já na Champions League de handebol masculino, a equipe está nas quartas de final e mede forças contra o Nantes, da França, em maio por uma das vagas no Final 4.

Como foi a decisão

A final da Copa da Hungria foi equilibrada no primeiro tempo. No começo, ditando o ritmo dos dois lados, o Pick Szeged conseguiu abrir uma pequena vantagem nos 10 primeiros minutos, com 8 a 6. Na sequência, o Telekom Veszprém, de Rogério Moraes, cresceu e igualou o placar em 9 a 9. Embalado pelo bom momento, o time do pivô brasileiro seguiu melhor e fechou os primeiros 30 minutos da decisão vencendo por 14 a 12.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

No primeiros minutos da segunda etapa, a diferença se manteve. Com os dois ataques conseguindo levar a melhor sobre as marcações e o marcador subiu para 16 a 14. Já na segunda parte da etapa complementar, assim como no primeiro tempo, o time de Rogério Moraes acelerou seu jogo e colocou a diferença em quatro gols, com 24 a 20.

Nos minutos finais, o Pick Szeged buscou o placar. Marcando mais alto e pressionando em busca da roubada de bola, o time cortou metade da desvantagem e chegou no minuto final perdendo de 27 a 25, obrigando o Veszprém a parar o jogo. Na volta, o time do pivô da seleção brasileira conseguiu um gol e sacramentou a vitória que veio por 28 a 26.

Mais em Handebol