Siga o OTD

Copa da Rússia de Handebol feminino Chana Masson e Mayssa Pessoa

Handebol

Mayssa lesiona joelho e não disputa finais da Copa da Rússia

Chana Masson também será desfalque do Final Four, a partir desta quarta-feira, por causa de uma gripe. Jogos contarão com torcida ‘in loco’

Goleiras brasileiras desfalcam suas equipes no Final Four da competição, que fecha a temorada 2019/2020 (Montagem OTD)

Mayssa lesiona joelho e não disputa finais da Copa da Rússia

O Final Four da Copa da Rússia de handebol feminino temporada 2019/2020 começa nesta quarta-feira (19). Depois de um período sem partidas por conta da pandemia do coronavírus, o CSKA Moscou, de Chana Masson, enfrenta o Astrahanochka, e o Rostov-Don, de Mayssa, duela com o Krasnodar. O problema é que elas não estarão em quadra. Por causa de uma grave lesão no joelho, Mayssa foi cortada da delegação. Já Chana está fortemente gripada e também não participará das finais.

Nesta terça-feira (18), o Rostov-Don confirmou através de seu site que Mayssa sofreu uma ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho. Com isso, a brasileira passará por uma cirurgia e ficará fora da equipe russa por cerca de seis meses.

“Nosso objetivo principal é aliviar a inflamação no joelho, e então precisamos decidir quando e onde a cirurgia será realizada, dadas as circunstâncias atuais (pandemia de coronavírus). Após a operação, a recuperação levará pelo menos seis meses”, disse o fisioterapeuta do Rostov-Don, Alexander Matic.

Atual tetracampeão da liga russa e presente nos dois últimos Final Four da Champions League, o Rostov-Don chega forte para disputar o título. Além de Mayssa, o time conta com a sueca Anna Lagerkvist e a francesa Gras Zaadi, que foram contratadas recentemente e podem atuar no Final Four da Copa da Rússia de handebol feminino.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

Mayssa em ação pelo final four da Champions League
Mayssa em ação pelo final four da Champions League (Divulgação/EHF)

Chana também está fora

Apesar se estar no elenco do CSKA Moscou, a experiente Chana Masson não poderá participar das partidas desta retomada da modalidade no país. “Estou gripada e fora das partidas. Estamos todos ansiosos, esperamos por muito tempo essa volta. Mesmo fora, vou torcer muito pelas minhas companheiras e tenho certeza que o time irá forte na busca pelo título”. 

+ OTD tira dúvidas sobre a Rússia de Natália com Chana Masson

Na última edição da liga nacional na Rússia, o CSKA Moscou foi o terceiro colocado, com 17 vitórias em 22 partidas. O time de Chana Masson ficou atrás somente do Rostov-Don e do Lada. 

Os adversários

Os adversários também mostraram força na última temporada. Em 2019/2020, o Astrahanochka manteve-se entre os quatro melhores na liga russa. Com 16 triunfos em 22 duelos, a equipe brigou pelo terceiro lugar na competição nacional com o CSKA Moscou até a última rodada.

Já o Krasnodar tem um cenário um pouco diferente. Além de enfrentar o “time a ser batido no país”, de acordo com os resultados obtidos nas últimas temporadas, a equipe vem de um sexto lugar na liga nacional, com 13 vitórias, um empate e oito derrotas. 

+ Abertura da Champions League terá Mayssa, e Duda versus Chana

Por conta da Covid-19, a Copa da Rússia de handebol feminino terá algumas restrições. O time da goleira Mayssa viajou os 1083 km que separam Rostov e Moscou, local das disputas, respeitando todas as questões sanitárias e de saúde. Haverá presença de público, mas com número reduzido e com distanciamento entre as pessoas. 

A competição, paralisada há mais de cinco meses por conta do coronavírus, fecha a temporada 2019/2020. A rodada de quartas de final aconteceram entre fevereiro e março deste ano. A final da Copa da Rússia acontecerá nesta quinta (20). 

Início da Liga Russa 2020/2021

Além do término da Copa da Rússia de handebol feminino, nesta semana a Liga Nacional de 2020/2021 será iniciada. Desmembrada nos próximos dias, a rodada de abertura terá o Rostov-Don, de Mayssa, enfrentando o Zvenigorod fora de casa, no sábado (22), o CSKA Moscou, de Chana Masson, terá o Izhevsk pela frente na terça-feira (25).

Mais em Handebol