Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

Sesi vence Sporting e conquista título do Mundial de Clubes; Feminino é vice

Sesi domina final contra time de Leomon e se sagra campeão mundial. No feminino, equipe brasileira perdeu para o Sporting

Sesi vence Sporting e é campeão do Mundial de Clubes de goalball
Youtube/KuriakosTV

O Brasil brilhou na primeira edição do Campeonato Mundial de Clubes de goalball! Neste sábado (27), o Sesi, campeão nacional de 2019 (não houve competição em 2020 devido à pandemia), venceu o Sporting, do brasileiro Leomon Moreno, para conquistar o título da competição no masculino. Já no feminino, o Sporting, de Carol Duarte, levou a melhor sobre a equipe paulista, que ficou com o vice-campeonato.

No masculino, para chegar à final, o Sporting venceu o Vancouver GC, do Canadá, com tranquilidade na semifinal, pelo placar de 12 a 4, com quatro gols de Leomon Moreno. Já o Sesi encarou o ASA Québec e também atropelou o adversário canadense pelo placar de 10 a 0. Parazinho marcou cinco gols, Denis Oliveira, quartro e Alex Melo, um.

+Alves, Heide e Carol Meligeni são campeões em Brasília

Assim, Sesi e Sporting, os dois melhores times na primeira fase, respectivamente, carimbaram o passarporte para a grande final do Mundial de Clubes de goalball. Na decisão, o time brasileiro foi superior durante toda a partida. Na segunda etapa, se segurou bem quando o Sporting tentou a reação, com Parazinho letal nas penalidades para vencer o confronto por 8 a 4 e levar o título para casa.

Além da medalha de ouro, o time paulista ainda viu o ala Parazinho encerrar a competição no topo da artilharia, com 31 gols. “Foi um Mundial bem intenso, muito forte. A gente pôde se preparar bem fisicamente, psicologicamente. Estão todos de parabéns pelo desenrolar da competição. Fico muito feliz em saber que fui o artilheiro, porque é uma consequência de todo um trabalho”, celebrou o campeão mundial e paralímpico. .

Veja a final masculina do Mundial de Clubes de goalball:

Sesi é vice-campeão mundial no feminino

Já no feminino, o Sporting, de Carol Duarte, foi o líder da primeira fase e venceu o USV Hercules na semifinal também por 10 a 0. Do outro lado, o Sesi teve um pouco mais de dificuldade. Mas conseguiu eliminar o BSI Copenhagen por 4 a 1, com dois gols de Danielle Longhini e outro dois de Gleyse Henrique.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Na grande decisão, quem levou a melhor foi o time português. Depois de um começo bastante equilibrado, o Sporting conseguiu abrir vantagem no final do primeiro tempo e apenas administrou a diferença no placar para vencer por 6 a 2 e se consagrar campeão do Mundial de Clubes de goalball.

Veja a final feminina:

Mais em Paralimpíada Todo Dia

viagra