Siga o OTD

Ginástica Artística

Rebeca Andrade é destaque na abertura do Troféu Brasil

Rebeca Andrade marcou 14.667 para se classificar à final da barra assimétrica no Troféu Brasil

Rebeca Andrade Troféu Brasil de ginástica artística
Rebeca Andrade após sua apresentação nas barras (Foto: João Gabriel Rodrigues/ge.globo.com)

Começou nesta quinta-feira (19), em Porto Alegre-RS, o Troféu Brasil de Ginástica Artística, com as disputas das primeiras qualificatórias. A campeã olímpica Rebeca Andrade foi o principal destaque do dia, se classificando para a final das barras assimétricas com a 14.667, a maior nota geral. As rotações seguem nesta sexta.

+ Juliana Campos e Isabel Demarco embarcam às pressas para a Espanha

As eliminatórias de cinco aparelhos foram disputadas nesta quinta: solo, argolas e cavalo com alças para os homens e barras assimétricas e salto sobre a mesa para as mulheres. Na sexta-feira, serão realizadas as disputas do solo e da trave no feminino e das barras paralelas, salto e barra fixa no masculino.

Rebeca Andrade recebeu 14.667 em sua apresentação nas barras assimétricas. Ela partiu com uma dificuldade de 6.1 e recebeu execução de 8.567. Foi a maior nota entre as 17 atletas que se apresentaram no aparelho. A brasileira foi vice-campeã mundial nesta prova no ano passado. A segunda colocada em Porto Alegre foi Jade Barbosa, com 12.933.

Rebeca está se poupando no início de temporada, então optou por competir apenas nas barras assimétricas e na trave neste Troféu Brasil. Assim, ela não participou do salto sobre a mesa, prova em que ela foi ouro em Tóquio-2020. Nesta disputa, Andreza Lima teve a maior nota, com 12.850.

Homens

Entre os homens, os cinco atletas que estiveram nos Jogos Olímpicos de Tóquio competem neste Troféu Brasil. Caio Souza se garantiu nas três finais: ele teve a maior nota das argolas, com 13.550, foi o quarto no cavalo com alças (13.000) e o segundo no solo (13.650). Os líderes dos dois aparelhos foram Paulo Castilho, com 13.300, e João Vieira, com 13.850, respectivamente.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Arthur Zanetti, que só participou do solo, avançou à final do aparelho com a oitava melhor nota, em 13.000. Diogo Soares foi o quinto no solo e também avançou, com 13.400. Já Arthur Nory competiu apenas no cavalo com alças e se garantiu na decisão com 12.600, sexta melhor nota. Chico Barretto ficou fora da final do cavalo com alças, marcando 12.200, em décimo lugar.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Ginástica Artística