Siga o OTD

Esgrima

Brasil não conquista medalhas no primeiro dia do Pan-Am

Reprodução/Facebook

Brasil não conquista medalhas no primeiro dia do Pan-Am

Na abertura do Pan-Americano de esgrima, em Havana, Cuba, o Brasil passou longe do pódio na espada masculina e no sabre feminino

A equipe brasileira de esgrima estreou hoje (15) no Pan-Americano de Havana, em Cuba. Mas o dia não foi dos melhores, o país passou em branco e ficou longe das medalhas. Na espada masculina, o destaque foi o 11º lugar de Athos Schwantes, enquanto Karina Trois, no sabre feminino, terminou em 15º lugar.

Ainda na espada masculina, além de Athos, Alexandre Camargo ficou no 12º lugar, Nicolas Ferreira foi o 25º e Bernardo Schwuchou terminou em 39º lugar.

Já no sabre feminino, Marta Centurion encerrou sua participação na 22ª colocação. Luana Pekelman foi a 27ª e Giulia Gasparin encerrou a participação brasileira com um 30º lugar.

Amanhã, em Havana, Cuba, entram em pista no Campeonato Panamericano Adulto os floretistas Guilherme Toldo, Henrique Marques, Heitor Shimbo Carmona e Marco Xavier. Também é dia de torcer por Amanda Netto Simeao, Clarisse Menezes, Naira Sathiyo Ferreira e Nathalie Moellhausen.

Mais em Esgrima