Siga o OTD

Esgrima

Brasileira fica em sétimo lugar na Copa do Mundo de espada em Doha, no Qatar

Depois de chegar até as quartas-de-final na Rio 2016, no melhor desempenho de uma esgrimistra brasileira na história dos Jogos, Nathelie Moellhausen brilhou mais uma vez e terminou na sétima colocação da Copa do Mundo de espada, disputada esta semana em Doha, no Qatar.

A esgrimista de 31 anos, nascida em Milão, mas que tem mãe brasileira, estou na Copa do Mundo, disputada com chave de 64 atletas, derrotando a suíça Laura Staehli por 15 a 9. No segundo combate, passou pela francesa Aliya Bayram pelo mesmo placar para se garantir nas oitavas-de-final.

A vaga entre as oito melhores aconteceu num confronto dificílimo contra a sul-coreana Lam Shin por 11 a 10. Mas a chance de chegar à semifinal, ela deixou escapar ao perder para a tunisiana Sarra Besbes por 15 a 12.

A algoz da brasileira acabou com a medalha de ouro superando a russa Violetta Kolobova, que ficou com a prata. A polonesa Ewa Nelip e a chinesa Nuo Xu ficaram com as medalhas de bronze. Sétima colocada na Copa do Mundo, Nathelie Moellhausen é atualmente a 11a. colocada no ranking mundial de espada.

 

Mais em Esgrima