Siga o OTD

Ímola Mundial Ciclismo de Estrada UCI

Ciclismo Estrada

Campeonato Mundial será em Ímola e começa no dia 24

Cidade italiana foi escolhida após Aigle-Martigny, na Suíça, ficar impedida de organizar a competição, que terá apenas atletas da elite participando

A cidade italiana substituirá Aigle-Martigny, na Suíça, que deixou a organização da competição (UCI/Divulgação)

Campeonato Mundial será em Ímola e começa no dia 24

O Campeonato Mundial de 2020 de ciclismo de estrada teve a sede anunciada nesta quarta-feira (2). A UCI (União Ciclista Internacional) definiu Ímola como o local para a realização do evento que, neste ano, só terá atletas da elite. As disputas começam no dia 24 de setembro e vão até 27 deste mês.

+ Lauro Chaman e Jady Malavazzi são esperanças sobre rodas

A cidade italiana substituirá Aigle-Martigny, na Suíça, que deixou a organização da competição porque as autoridades locais proibiram eventos até 30 de setembro.

Por causa da pandemia de coronavírus, a programação do Mundial de ciclismo de estrada passou por adaptações.

De acordo com a UCI, a justificativa para realização apenas das provas da categoria de elite é porque a maioria dos atletas, tanto do feminino quanto do masculino, já estão na Europa. A exclusão das categorias junior e sub-23 foi decidida para não privar alguns os jovens de participarem do evento por dificuldades de se locomoverem até a Itália.  

Presidente da UCI parabeniza Ímola

“Parabenizo o Comitê Organizador de Imola pela excelente qualidade de seu material de licitação, que foi produzido em um curto espaço de tempo. Gostaria também de agradecer aos outros três candidatos Peccioli, Alba Adriatica e Haute-Saône que também enviaram documentos sólidos à UCI”, disse David Lappartient.

+ Calendário é atualizado com competições em novembro

“Não foi uma escolha fácil, mas mostra que, mesmo neste período difícil que vivemos, o Campeonato Mundial de ciclismo de estrada ainda é muito atrativo para as cidades e suas regiões. Estou ansioso para assistir a essas corridas que prometem ser magníficas”, acrescentou o presidente da UCI.

Programação

O Mundial de ciclismo de estrada de 2020 começa no dia 24 de setembro, em uma quinta-feira. Nesta data inicial será disputada a prova de contra-relógio individual da elite feminina. Na sexta-feira (25) será a vez dos homens pedalarem no mesmo modelo de disputa das mulheres no dia anterior. No fim de semana acontecerão os eventos de fundo, com a participação das ciclistas no sábado e dos ciclistas no domingo.

+ Percurso do Giro d’Italia tem como atração a volta de Milão

“Estou convicto que o Campeonato Mundial de Estrada 2020, em Ímola, permitirá a todos nós, apesar da difícil situação atual, testemunhar um grande festival esportivo. Convido vocês a acompanharem este evento na Itália, verdadeiro território do ciclismo, em um dos circuitos mais desafiadores da história da competição”, disse o mandatário da UCI.

O novo percurso prevê largada e chegada no circuito de Imola, um dos mais representativos da história da Fórmula 1, e um trajeto irregular na região de Emilia-Romagna. A pista de 28,8 quilômetros será a mesma tanto para os homens quanto para as mulheres, sendo que eles s darão nove voltas e elas cinco, um total de 144 quilômetros.

+SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Já no contrarrelógio, o percurso também será igual para homens e mulheres, em um total de 32 quilômetros, sendo o trajeto praticamente plano. A mudança da data, que antes iniciaria no dia 20 de setembro, na Suíça, permitirá que os ciclistas que participam da Volta a França consigam competir também no Mundial de ciclismo de estrada.

Mais em Ciclismo Estrada