Siga o OTD

Basquete

Com emoção até o fim, Paulistano vence Pinheiros pelo NBB

Com cesta da vitória feita a 0,5 segundo para o fim, Paulistano vence clássico contra o Pinheiros, chega na 16ª vitória seguida e segue na ponta do NBB

A segunda-feira de Carnaval (12) foi de emoção e, de muita, folia para o Paulistano. Atuando em casa, a equipe venceu o dérby da capital paulista contra o EC Pinheiros, com final dramático, por 73 a 72, e aumentou sua longa sequência de vitórias para seguir isolado na ponta do NBB.

Com dois pontos de frente, o Paulistano tinha a posse com 35 segundos para o fim. Só que Holloway roubou a bola e, no contra-ataque, o Pinheiros deixou tudo igual com 14 segundos para o fim. Depois de um pedido de tempo, Deryk chamou a responsabilidade e sofreu falta em tentativa de bandeja. Com menos de um segundo para o fim, o ala/armador acertou o primeiro lance livre, errou o segundo e garantiu o triunfo alvirrubro.

“Estamos aprendendo a fechar os jogos na marra. Hoje não tivemos uma boa atuação e um aproveitamento baixo nos arremessos de 3, que puxam nossa pontuação. Mas isso mostra a qualidade do nosso time, que se superou e com uma boa defesa conquistou mais uma grande vitória”, disse o comandante Gustavo De Conti, do Pailistano.

A última derrota do Paulistano no NBB foi justamente diante do Pinheiros, no dia 06/12. Agora, com a vitória nesta segunda, os atuais vice-campeões derrotaram todos os times da competição durante sua sequência – Mogi e LSB, duas vezes cada – e totalizam expressivas 16 vitórias consecutivas.

Com um total de 18 triunfos em 21 jogos disputados (85,7% de aproveitamento), o time alvirrubro segue na primeira posição na tabela de classificação. Do outro lado, o Pinheiros conheceu sua nona derrota em 20 partidas realizadas (55,0% de aproveitamento), mas segue na sexta colocação.

Como de costume, o Paulistano teve sua pontuação bastante dividida. Com 14 pontos, Yago foi o cestinha da equipe, seguido por Fuller e Lucas Dias, que marcaram 11 cada. Responsável pelo ponto que decretou o placar final do jogo, Deryk somou sete pontos, mesma marca de Elinho. Outro destaque da equipe foi Nesbitt, com oito pontos e oito rebotes.

Do lado pinheirense, o destaque ficou por conta do norte-americano Desmond Holloway. Com uma daquelas de suas atuações “endiabradas”, o atual MVP do NBB foi o cestinha da partida, com 25 pontos (11/17 nas bolas de 2), e registrou sua maior pontuação nesta temporada.

 

Mais em Basquete

viagra