Siga o OTD

Thaissa LBF Catanduva LSB

Basquete

Thaissa bate recorde pessoal e comanda vitória histórica do Catanduva na LBF

Armadora marcou 31 pontos, maior marca da carreira, na partida contra o LSB. Lorraine também se destacou com 15, pontuação que nunca havia feito. Atual projeto da equipe paulista nunca havia vencido na Liga de Basquete Feminino

Thaissa acabou com o jogo (Ellen Costa/arquivo)

Thaissa bate recorde pessoal e comanda vitória histórica do Catanduva na LBF

Comandado por Thaissa, o Catanduva venceu o LSB por 100 a 79 na rodada deste domingo (2) da Liga de Basquete Feminino (LBF) em duelo disputado no Ginásio Anuar Pachá, em Catanduva, interior de São Paulo. A cidade não vencia uma partida na elite nacional do basquete feminino desde 2012 e, pela primeira vez, o atual projeto, iniciado em 2018, ganha um jogo na LBF.

Os detalhes históricos são informações da repórter Giovanna Terezzino, da TV Cultura, que conversou com uma emocionada Thaissa após o confronto. “Eu tô muito feliz pela vitória, só tenho a agradecer. A gente lutou muito por essa vitória. Obrigado, obrigado. Quero agradecer o grupo e o professor. Pude ajudar um pouco”, disse a armadora. Lorraine foi outra que se destacou no time da casa anotando 15 pontos, também a maior marca dela na carreira, e pegando 13 rebotes. Nicolle fez o terceiro duplo-duplo do Catanduva, 19 pontos e 11 rebotes. Pelo lado do LSB, Thayná anotou 26 e recuperou 15 bolas.

Com o resultado, o Catanduva soma uma vitória em cinco jogos, mesmo aproveitamento do Sampaio Basquete, e deixa a lanterna para o Santo André, que perdeu as cinco partidas que disputou até agora. O LSB foi derrotado pela terceira vez, a segunda seguida, em seis jogos. O campeonato desse ano da LBF tem oito equipes e todas vão para os playoffs, sendo que a primeira fase, de classificação, define os duelos.

Catanduva no comando

O LSB começou impodo o jogo e logo abriu seis pontos de frente no 8 a 2. Foi seu único momento de superioridade. O Catanduva reagiu e virou no 11 a 8 em uma jogada de três pontos, cesta e falta, de Thaissa. Ainda na segunda metade do primeiro quarto, o time paulista cresceu e abriu 18 a 14, levando a 26 a 19 no minuto final. Thayná conseguiu descontar dois pontos segundos antes de o cronômetro zerar e a parcial fechou em 26 a 21.

O segundo quarto começou com Larissa metendo uma de três e levando a vantagem para oito pontos no 29 a 21. Logo a seguir foi a nove no 30 a 21 em um lance livre convertido por Thaissa. Com o time da casa muito melhor em quadra, a diferença passou a ter dois dígitos e bateu em 38 a 23 a 6min11s do fim, com 12 a 2 na parcial. Foi quando o técnico Raphael Zaremba, do LSB, parou o jogo.

O time carioca voltou mais ligado na marcação e conseguiu descontar cinco, no 40 a 30. O Catanduva tentou recolocar frente, mas sentiu a perda de liberdade de ações e, em dois lances livres de Thayná, o LSB cortou a desvantagem para um dígito no 43 a 34. Nos minutos finais, porém, as visitantes erraram muito no ataque e viram as rivais voltarem abrir frente no 54 a 38, maior distância até então. Nos segundos finais, uma falta técnica da Natália e mais dois lances livres fecharam o marcador do primeiro tempo em 54 a 41, com 28 a 20 na parcial.

Vinte pontos

Mudou o lado da quadra, mas o jogo seguiu o mesmo roteiro do primeiro tempo. Ainda no início, Thaissa meteu duas de três e o Catanduva colocou 62 a 47 no marcador. Podia ser mais, se o time da casa não tivesse desperdiçado três bandejas fáceis em contra-ataques. Os erros não abalaram o time da casa que chegou 68 a 49 em uma assistência por baixo das pernas de Thaissa para Nicolle.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, TWITTER, INSTAGRAM, FACEBOOK E TIKTOK

A dois minutos do fim, em mais uma grande jogada de Thaissa, a vantagem superou os vinte pontos, 77 a 56. Dali até o final, o time da casa administrou e foi para a última parcial com 80 a 60 no placar, após marcar 37 a 20 no terceiro quarto. O último do jogo histórico na LBF foi quase protocolar, fechado em 19 a 18 para as anfitriãs, com destaque para o centésimo ponto do time no jogo, marcado por ela: Thaissa.

Mais em Basquete