Siga o OTD

Badminton

Irmãos, Ygor Coelho e Donnians Oliveira estão nas quartas do Pan

Os irmãos Ygor Coelho e Donnians Oliveira são os únicos brasileiros, em torneios de simples, classificados para as quartas do Pan-Americano de badminton

Donnians oliveira e ygor coelho campeonato pan-americano de badminton
Arquivo pessoal

Sebastião Oliveira, fundador da Associação Miratus, projeto social na comunidade da Chacrinha, no Rio de Janeiro, principal revelador de talentos para o badminton do Brasil, certamente está feliz da vida e orgulhoso. Seus dois filhos, Ygor Coelho e Donnians Oliveira, que aprenderam o esporte com ele, são os únicos atletas do país classificados para as quartas de final na chave de simples do Campeonato Pan-Americano, que está sendo disputado em El Salvador.

Donnians Oliveira, de 21 anos, o irmão mais novo, estreou na terça-feira vencendo com autoridade o costarriquenho Gianpiero Cavalotti por 21/8 e 21/5. Nesta quarta-feira, foram dois jogos para o atual 193º do ranking mundial. Logo de cara, ele conseguiu uma vitória importante sobre o mexicano Luis Armando Navarro, 116º do mundo, um dos cabeças de chave do torneio, com parciais de 21/18 e 21/17. Para completar, o caçula da família bateu o experiente americano Howard Shu, de 31 anos e 132º do mundo por duplo 21/15, garantindo a classificação para as quartas de final sem perder nenhum set sequer.

+Assista ao vivo: Campeonato Pan-Americano de badminton 2022

O irmão mais velho, Ygor Coelho, de 25 anos, 50º do mundo e cabeça de chave número 4 do Campeonato Pan-Americano de badminton, só estreou nesta quarta e venceu duas partidas com tranquilidade para chegar às quartas de final. Primeiro, ele fez 21/17 e 21/6 em Don Henley Averia, dos Estados Unidos, e depois passou por Ruben Castellanos, da Guatemala, por 21/8 e 22/20.

QUARTAS DE FINAL

Os filhos do Sebastião Oliveira estão do mesmo lado da chave e podem se encontrar na semifinal caso vençam suas próximas partidas. Ygor Coelho terá pela frente o velho conhecido Job Castillo, do México. Os dois já se enfrentaram sete vezes na carreira com cinco vitórias do brasileiro, mas os jogos costumam ser disputados e quatro vezes tiveram que ser decididos em três sets. O último confronto aconteceu no Pan de 2021 com vitória de Ygor por 24/22, 19/21 e 21/18. A última vitória de Job foi no Pan de 2019 por 23/21, 18/21 e 21/15.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

A vida de Donnians Oliveira será bem mais difícil. O irmão mais novo de Ygor Coelho terá pela frente o canadense Brian Yang, 33º colocado do ranking mundial, melhor posição entre todos os atletas pan-americanos. Campeão do Pan-Americano em 2021, Yang está atrás do bicampeonato em El Salvador.

Para surpreender, no entanto, Donnians Oliveira tem o melhor conselheiro possível. O irmão Ygor Coelho leva vantagem nos confrontos contra Brian Yang com quatro vitórias em seis jogos entre os dois, a mais memorável foi na final dos Jogos Pan-Americanos de Lima-2019, época em que o filho mais velho do Sebastião Oliveira era o número 1 do continente, posto que pretende recuperar em breve.

Ygor Coelho venceu também o último confronto entre eles, disputado este ano, durante o Campeonato Pan-Americano por equipes com parciais de 15/21, 21/10 e 21/14.

PARARAM NAS OITAVAS

Faltou pouco para Ygor Coelho e Donnians Oliveira terem companhia de outros brasileiros nas quartas de final. Vice-campeão recentemente do Internacional do México, Jonathan Matias foi derrotado pelo canadense Jason Ho-Shue, de virada, por 20/22, 21/18 e 21/15. Já Artur Pomoceno caiu diante do guatemalteco Kevin Cordon, semifinalista dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, e campeão dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara-2011 e Toronto-2015, com parciais de 21/7 e 21/14.

No feminino, Jeisiane Alves e Juliana Viana Vieira também perderam nas oitavas de final, respectivamente, para Haramara Gaitan, do México, com parciais de 21/15, 20/22 e 21/12, e para a canadense Talia Ng por 21/18 e 21/12.

DUPLAS

Nos torneios de duplas, o Brasil tem Sania Lima e Tamires Santos classificadas para as quartas de final da competição feminina. Elas avançaram com vitórias sobre as dominicanas Alisa e Daniela Acosta por 21/10 e 21/8 e sobre as cabeças de chave Diana Soto e Nikte Sotomayor, da Guatemala, por 19/21, 21/8 e 21/12. Agora, elas enfrentam Ines Salazar e Paula La Torre, do Peru, por uma vaga na semifinal.

No torneio de duplas mistas, os jogos das oitavas de final passaram para esta quinta-feira devido ao atraso na programação de quarta. Cabeças de chave número 1, Fabrício Farias e Jaqueline Lima derrotaram os compatriotas Deivid Silva e Samia Lima por 21/18, 17/21 e 21/19 na estreia e enfrentam por um vaga nas quartas Rodrigo Morales e Romina Fregoso, do México.

Já Davi Silva e Sania Lima jogam contra os peruanos Diego Mini e Paula La Torre pelas oitavas de final. Antes, eles venceram Frank Barrios e Damaris Parada, da Venezuela, na estreia por 21/11 e 21/6 e os salvadorenhos José Orellana e Daniela Hernandez por duplo 21/5.

Nas duplas masculinas, os brasileiros não passaram da primeira rodada. Jonathan Matias e Davi Silva perderam em três sets para os americanos Vinson Chiu e Joshua Yuan por 19/21, 21/13 e 21/15. Já Fabrício Farias e Deivid Silva caíram diante de Enrico Assuncion e Don Henley Averia, também dos Estados Unidos, por 21/14 e 22/20.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Fundador e diretor de conteúdo do Olimpíada Todo Dia

Mais em Badminton