Siga o OTD

Atletismo

No reencontro com Lavillenie, Thiago Braz desiste no meio da prova, mas fica em 3o.

No reencontro com Lavillenie, Thiago Braz desiste no meio da prova, mas fica em 3o.

No reencontro com o francês Renaud Lavillenie com quem duelou centímetro por centímetro até conquistar a medalha de ouro na Olimpíada do Rio de Janeiro, o brasileiro Thiago Braz acabou desistindo no meio da prova, mas mesmo assim ficou com a medalha de bronze na etapa de Zurique da Diamond League, o circuito mundial de atletismo.

O campeão olímpico, que saltou 6,03m no Rio de Janeiro, entrou na disputa com o sarrafo a 5,52m, mas teve dificuldades para passar. Depois de errar as duas primeiras tentativas, só conseguiu ultrapassar a altura na última chance. Depois, Thiago Braz passou por mais duas marcas, 5,72m e 5,84, em ambas na segunda tentativa.

O brasileiro, no entanto, surpreendeu ao desistir da prova quando o sarrafo estava a 5,90m, altura que ele sequer tentou ultrapassar. Deu para perceber pela transmissão do Band Sports, a surpresa do americano Sam Hendricks, perguntando a Thiago “Why?” (Por que?), tentando entender o motivo da decisão tomada pelo atleta.

Naquela altura, além do brasileiro e do americano, apenas o francês Renaud Lavillenie estava na prova. Por isso, mesmo com a desistência, Thiago Braz ficou com a medalha de bronze.

Os dois que restaram pularam 5,90 na segunda tentativa e depois elevaram o sarrafo a 6,01m, altura que nenhum deles conseguiu ultrapassar. Assim, ambos acabaram dividindo a medalha de ouro. Foi a última etapa do salto com vara masculino na Diamond League e o título de campeão geral acabou ficando com Lavillenie.

Outros brasileiros que participaram da etapa de Zurique foram Darlan Romani, que terminou em oitavo lugar no arremesso de peso,  e Fernanda Martins, décima colocada no arremesso de disco.

 

 

Mais em Atletismo