Siga o OTD

Tênis

Brasileiros seguem em frente nas duplas em Monte Carlo

Marcelo Melo e Lukasz Kubot, e Bruno Soares ao lado do britânico Jamie Murray, passaram em jogos duros em Monte Carlo

Marcelo Melo e Lukasz Kubot (Divulgação/arquivo)

v sAs duas duplas com brasileiros que entraram em quadra nesta quarta (17) no Masters 1000 de Monte Carlo venceram. Bruno Soares e Jamie Murray, da Grã-Bretanha, e Marcelo Melo e Lukasz Kubot, polonês, disputaram jogos bem apertados.

O torneio dá início à sequência no saibro europeu até chegar a Roland-Garros, o segundo Grand Slam do ano, no final de maio, em Paris, na França.

Marcelo Melo e Lukasz Kubot

Marcelo Melo e Lukasz Kubot jogaram pela primeira rodada contra os espanhóis Marcel Granollers e Marc Lopez. A dupla do brasileiro precisou do tie-break para vencer o primeiro set, após um 6 a 6 com duas quebras para cada lado. No game desempate, mais equilíbrio com o resultado saindo somente no 18º ponto, favorável a Marcelo Melo e Lukasz Kubot por 10 a 8.

Vale ressaltar que o brasileiro e polonês salvaram seis break-points na parcial.

O segundo set começou logo de cara com duas quebras, uma para cada lado. A seguir os sacadores foram prevalecendo até o nono game, quando Marcelo Melo e Lukasz Kubot conseguiram a segunda quebra na parcial para fazer 5 a 4 com o saque.

Ainda assim os espanhóis venderam caro a derrota ao salvar dois match-points, chegarem a ter um break-point a favor, mas acabaram sucumbindo na terceira oportunidade que a dupla do brasileiro e do polonês tiveram de fechar a partida.

“Foi um jogaço. Pontos para todos os lados. Break prá lá, break prá cá. Ficamos muito felizes em conseguir manejar e ganhar. Foi realmente muito duro. Ao mesmo tempo foi um belo jogo”, analisou Marcelo Melo. “Eu e o Lukasz conseguimos jogar muito bem nessa primeira partida no saibro. Muito contente com isso. Agora é seguir firme para a próxima rodada”.

Na próxima rodada, as oitavas de final, Marcelo Melo e Lukasz Kubot enfrentam os austríacos Jurgen Melzer e Dominic Thiem.

Bruno Soares e Jamie Murray nas quartas do Masters 1000 de Monte Carlo

Bruno Soares e Jamie Murray já passaram pelas oitavas de final do no Masters 1000 de Monte Carlo. Eles venceram, ainda nesta quarta, Ivan Dodig, da Croácia, e o francês Edouard Roger-Vasselin por 2 sets a 1. Também foi apertado, em mais de duas horas de confronto.

Os dois sets iniciais foram para o tie-break sem que houvesse qualquer quebra de serviço. No primeiro, a vitória veio com o único mini-break do game desempate, quando o placar marcava 6 a 5 para Bruno Soares e Jamie Murray. Eles aproveitaram e fecharam em 7/5 e o set em 7/6.

No segundo set a dupla do brasileiro chegou a ter um match-point no saque dos rivais no 6/5, mas Dodig e Roger-Vasselin se recuperaram, empataram a parcial e venceram o game desempate por 7 a 4.

Com um set para cada lado, o jogo foi para o super tie-break, set disputado em sistema de tie-break cujo vencedor precisa marcar no mínimo dez pontos sempre mantendo dois de diferença. E foi na medida. Bruno Soares e Jamie Murray anotaram exatamente o 10 a 8 que precisavam, aproveitando o primeiro match-point que apareceu, mesmo que no saque dos adversários.

Nas quartas de final do no Masters 1000 de Monte Carlo, o brasileiro e o polonês vão enfrentar o vencedor do duelo entre João Sousa (POR) e Diego Schwartzman (ARG) contra Henri Kontinen (FIN) e John Peers (AUS).

Mais em Tênis