Siga o OTD

Surfe

AO VIVO: Etapa de Margaret River – Mundial de Surfe

Encerrando a perna australiana do Mundial de Surfe, etapa de Margaret River terá Miguel Pupo no lugar de Kelly Slater. Caio Ibelli fratura tornozelo e é desfalque

A janela para a terceira e última parada da perna australiana do Circuito Mundial de Surfe, Margaret River, inicia nesta terça-feira. A competição, no entanto só terá início nesta quinta, com chamada às 20h (horário de Brasília). Hoje, a organização informou que aguardará a chegada de um swell (ondulação) para colocar os atletas na água. A previsão é de ondas boas e grandes quebrando na costa australiana a partir do dia 12.

Para esta etapa do WCT, a Tempestade Brasileira terá um reforço. Atualmente no WQS (divisão de acesso), Miguel Pupo foi convidado para substituir Kelly Slater, que ainda se recupera de uma lesão no pé. Além dele, o australiano Mikey Wright também disputará a etapa.

O 12º surfista brasileiro na etapa estreia na terceira bateria da primeira fase, contra o australiano Owen Wright. Antes de Pupo, a WSL convidou Bede Durbidge (AUS) para disputar a competição, mas o surfista recusou. Bede lidera o projeto australiano rumo aos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Caio Ibelli também estava escalado para esta bateria, no entanto, o atleta quebrou o pé direito durante um treino em Margaret River.

Primeiro brasileiro a levantar um troféu nesta temporada, Ítalo Ferreira usará a camiseta amarela (dada ao líder do ranking mundial) em Margaret, assim como o australiano Julian Wilson, campeão na Gold Coast. O potiguar está na décima bateria da primeira fase, contra o havaiano Sebastian Zietz e o brasileiro Michael Rodrigues.

“Tudo isso parece um sonho”, disse Ítalo durante a coletiva de imprensa do Margaret River Pro. “Vestir a lycra amarela do Jeep Leader é a melhor sensação do mundo. O título mundial é o meu objetivo, mas sei que isso ainda está longe e que é muito difícil se manter no topo do ranking. Estou apenas me concentrando em ficar relaxado e aproveitar ao máximo cada momento que estou vivendo”, completou.

Os primeiros representantes da Tempestade Brasileira a entrarem em ação serão o estreante Tomas Hermes e Ian Gouveia. Na segunda bateria do dia, eles encaram o sul-africano Jordy Smith. Já o campeão mundial Gabriel Medina está no quinto confronto, contra o francês Joan Duru e Kael Walsh (AUS).

Na sequência, na sexta bateria, Jessé Mendes encara Julian Wilson (AUS) e Dave Delroy-Carr (AUS). Filipe Toledo está na sétima disputa, conta o americano Conner Coffin e o sul-africano Michael February, que assume a vaga de Mick Fanning. Na oitava, Adriano de Souza tem pela frente o japonês Kanoa Igarashi e seu compatriota Yago Dora. Por fim, na nona, Willian Cardoso é o último brasileiro a entrar na água na primeira fase. Ele encara Adrian Buchan (AUS) e Griffin Colapinto (EUA).

A competição feminina também inicia nesta terça. Única brasileira na elite do surfe, Silvana Lima está na bateria que abre o torneio. Ela encara Sally Fitzgibbons (AUS) e Coco Ho (HAV). A janela da etapa de Margaret River se encerra no dia 21 desta mês e não contará com o francês Jeremy Flores, que desistiu da etapa para ficar com a filha recém-nascida.

 

Receba novidades do OTD

* = campo obrigatório

powered by MailChimp!

Mais em Surfe