Siga o OTD

Wrestling

Brasil leva quatro medalhas e Aline Silva é bicampeã mundial militar

Brasil leva quatro medalhas e Aline Silva é bicampeã mundial militar

Principal nome da luta olímpica brasileira, Aline Silva era esperança de medalha nos Jogos do Rio, mas acabou ficando apenas com o nono lugar. Pouco mais de um mês depois, deu a volta por cima ao ganhar o ouro na categoria até 75kg no Mundial militar, que está sendo disputado em Skopje, na Macedônia. A paulista repetiu o feito de 2014 e conquistou assim o bicampeonato no torneio, uma vez que a versão feminina não foi disputada em 2015.

“Estou me sentindo muito bem, voltar a competir internacionalmente e ter tido um bom resultado me fortalece. Depois de ter dado toda a vida e não ter alcançado o objetivo nos Jogos Olímpicos este resultado me faz acreditar e sonhar para mais quatro anos. É um recomeço e me sinto recomeçando muito bem”, afirmou a atleta depois da conquista.

Aline Silva é a lutadora que conseguiu os resultados mais expressivos da modalidade no Brasil. Em 2014, ela chegou à decisão do Mundial da modalidade e sagrou-se vice-campeã na categoria até 75kg, primeira e única medalha do país na competição. No mesmo ano, a lutadora também faturou o ouro nos Jogos Sul-Americanos, no Mundial Militar e no Grand Prix de Paris, alcançando o 3° lugar no ranking da United World Wrestling (UWW). Em 2015, comemorou o bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto e também no Pan-Americano da modalidade no Chile, além de alcançar seu 13ª título brasileiro de luta olímpica.

Além do ouro de Aline Silva, o Brasil comemorou mais três medalhas no Mundial militar. Joice Silva, bronze em 2014, terminou na segunda colocação da categoria até 60kg. Já Susana Santos ficou com a medalha de bronze na categoria até 48kg, a primeira da carreira em mundiais militares, mesma colocação de Dailane Gomes na categoria até 63kg. Todas as atletas brasileiras representam a Marinha do Brasil no torneio.

Além das medalhistas, Mayara Graciano também representou o país e fechou o torneio em quarto lugar na categoria até 55kg. O Brasil ainda será representado por Davi Albino, categoria até 98kg, no estilo greco-romano, nesta sexta-feira, que luta em busca da primeira medalha masculina brasileira em uma edição de Mundial Militar.

Mais em Wrestling