Siga o OTD

Vôlei

Brasil desliga no segundo set, se recupera e vence o Irã na VNL

A seleção brasileira começa bem, sofre apagão na segunda parcial, mas reage para derrotar a equipe asiática por 3 a 1

Jogadores do Brasil comemorando um ponto no duelo entre Brasil e Irã pela VNL (Foto: Volleyball World)
(Foto: Volleyball World)

No segundo jogo da segunda semana de disputa da Liga das Nações de vôlei masculino (VNL), o Brasil derrotou o Irã pelo placar de 3 a 1 (25/19, 22/25, 25/16 e 25/23) e conquistou sua quarta vitória na competição. A seleção brasileira retornará às quadras na madrugada de quinta para sexta-feira, às 3h30, onde irá enfrentar a invicta equipe da Eslovênia.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

O maior pontuador do Brasil foi o oposto Alan Souza, dono de 20 pontos na partida, sendo 15 de ataque, quatro de bloqueio e um ace. Outro destaque em quadra foi o central Isac, que terminou com 13 pontos. Já do lado do Irã, o oposto Amin Esmaeilnezhad brilhou com 24 pontos. O triunfo levou a seleção brasileira para o quinto lugar da tabela geral da VNL, em uma campanha de quatro vitórias e duas derrotas. Os iranianos seguem na lanterna sem vencer.

O jogo

Após algumas trocas de liderança do placar no início da partida, o Brasil conseguiu abrir uma pequena vantagem sobre o adversário, com atuação de destaque do central Isac. O ataque brasileiro, lidera pelo ponteiro Yoandy Leal e o oposto Alan Souza, seguiu em um aproveitamento fantástico nos minutos seguintes, o que encaminhou a vitória no set por 25 a 19.

Na sequência, o Irã começou a próxima parcial com um ritmo mais intenso e colocou 3 a 0 de frente. A seleção brasileira passou a cometer diversos erros técnicos e viu seu rival ampliar a diferença para seis pontos. Aos poucos, o Brasil foi crescendo no jogo e encostou na ponta do marcador. No entanto, uma série de saques potentes e bom desempenho do bloqueio sacramentaram o triunfo dos iranianos por 25 a 22.

A disputa ficou mais equilibrada no terceiro set, com os brasileiros tendo uma leve superioridade. A defesa começou a funcionar muito bem e o time verde-amarelo abriu 13 a 8 no placar. Logo depois, foi a vez do saque do Brasil maltratar a recepção do Irã, dando a vitória ao seu favor por 25 a 16. Os asiáticos se recuperaram na parcial seguinte e voltaram a equilibrar o confronto. Na reta final, a seleção brasileira teve calma e eficiência para definir a quarta vitória na VNL com um 25 a 23.

Jornalista capixaba formado na PUC-SP e amante dos esportes olímpicos e paralímpicos.

Clique para comentar

Você deve estar logado para postar uma comentário Login

Deixe um Comentário

Mais em Vôlei