Siga o OTD

Vôlei

Tabela da Copa Brasil de vôlei feminino é definida pela CBV

Confira a tabela da Copa Brasil de vôlei feminino 2022, que acontece com a participação dos oito melhores times do primeiro turno da Superliga

Tabela da Copa Brasil de vôlei feminino
Minas foi o campeão da Copa Brasil de vôlei feminino em 2021 depois de bater o Praia Clube na final (William Lucas/Inovafoto/CBV)

Tabela da Copa Brasil de vôlei feminino 2022

Quartas de Final Semifinal Final
Praia Clube  
14 de janeiro de 2022
3-0
Praia Clube
 
Pinheiros
  
Sesi Vôlei Bauru 
17 de janeiro de 2022
Sesi Vôlei Bauru 3-1
Sesi Vôlei Bauru
 
Sesc RJ Flamengo
 
Osasco Voleibol Clube
18 de janeiro de 2022
Osasco Audax vôlei 3-0
Osasco Voleibol Clube
 
Fluminense
  
Minas Tênis Clube 
18 de janeiro de 2022
21:30
 
 
Barueri Volleyball Club
Quartas de Final Semifinal Final Semifinal Quartas de Final
Praia Clube   Osasco Voleibol Clube
14 de janeiro de 2022
3-0
18 de janeiro de 2022
Osasco Audax vôlei 3-0
Praia ClubeOsasco Voleibol Clube
  
Pinheiros Fluminense
   
Sesi Vôlei Bauru Minas Tênis Clube
17 de janeiro de 2022
Sesi Vôlei Bauru 3-1
 
18 de janeiro de 2022
21:30
Sesi Vôlei Bauru 
  
Sesc RJ FlamengoBarueri Volleyball Club

Os oito melhores times do primeiro turno da Superliga feminina já podem terminar o primeiro mês de 2022 com mais um troféu na coleção. A partir desta sexta-feira, dia 14, Dentil/Praia Clube (MG), Osasco São Cristóvão Saúde (SP), Itambé/Minas (MG), Sesi Vôlei Bauru (SP), Sesc RJ Flamengo (RJ), Barueri Volleyball Club (SP), Fluminense (RJ) e Pinheiros (SP) disputam a Copa Brasil 2022.  As quartas de final acontecem nos dias 14, 17 e 18 com os cruzamentos 1º x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º e 4º x 5º – os times de melhor campanha jogam como mandantes. O ginásio Galegão, em Blumenau (SC), será sede da fase decisiva, com semifinais no dia 30 e a grande decisão no dia 31.  O campeão garante vaga na Supercopa 2022. 

A última partida do turno da Superliga 21/22, entre Osasco São Cristóvão Saúde (SP) e Itambé/Minas (MG), que aconteceria nesta sexta-feira (14.01), foi adiada por casos de covid-19 no time mineiro. Em comum acordo, as equipes participantes e a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) definiram que esta partida não será levada em consideração e os confrontos da Copa Brasil levarão em conta a classificação atual do primeiro turno da Superliga 21/22. Portanto, o Osasco São Cristóvão Saúde (SP) será considerado o segundo colocado e o Itambé/Minas (MG), o terceiro.

+Ceren chega para reforçar Osasco São Cristóvão Saúde

“Estamos atentos às questões relacionadas à pandemia de covid-19, que exigem ajustes nas tabelas das competições. A saúde dos atletas é sempre prioridade. Todos os clubes compreenderam que o momento é de adaptações e, assim, definimos a tabela da Copa Brasil com a concordância de todos. Será uma grande competição, com muita emoção”, afirma Marcelo Hargreaves, diretor de Superliga e Novos Negócios da CBV.

Uma novidade desta edição da Copa Brasil é que todas as partidas terão transmissão ao vivo, seja pelo Canal Vôlei Brasil ou pelo sportv. O sportv 2 transmite os jogos das quartas de final nos dias 17 e 18, enquanto o Canal Vôlei Brasil exibe partidas nos dias 14 e 18.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

TABELA 

QUARTAS DE FINAL 

14.01 (SEXTA-FEIRA) – Dentil/Praia Clube (MG) x Pinheiros (SP), às 19h, na Arena Dentil, em Uberlândia (MG) – Canal Vôlei Brasil

18.01 (TERÇA-FEIRA) – Osasco São Cristóvão Saúde (SP) x Fluminense (RJ), às 19h, no José Liberatti, em Osasco (SP) – sportv 2

18.01 (TERÇA-FEIRA) – Itambé/Minas (MG) x Barueri Volleyball Club (SP), às 21h30 – na Arena Minas, em Belo Horizonte (MG) – Canal Vôlei Brasil

17.01 (SEGUNDA-FEIRA) – Sesi Vôlei Bauru (SP) x Sesc RJ Flamengo (RJ), às 20h, no ginásio do Sesi Vôlei Bauru, em Bauru (SP) – sportv 2

TODOS OS CAMPEÕES DA COPA BRASIL FEMININA

2007 – Rexona-Ades (RJ), em Brusque (SC)
2008 – Finasa/Osasco (SP), em Curitiba (PR)
2014 – Molico/Nestlé (SP), em Maringá (PR)
2015 – E.C Pinheiros (SP), em Cuiabá (MT)
2016 – Sesc-RJ, em Campinas (SP)
2017 – Sesc-RJ, em Campinas (SP)
2018 – Vôlei Nestlé, em Lages (SC)
2019 – Itambé/Minas, em Gramando (RS)
2020 – Sesc RJ, em Jaraguá do Sul (SC)
2021 – Itambé/Minas, em Saquarema (RJ)

Mais em Vôlei

viagra