Siga o OTD

Fê Isis sesi vôlei bauru contratação vôlei feminino central Fernanda Isis

Vôlei

Fernanda Isis reforça o Sesi Vôlei Bauru e chega falando em títulos

Experiente central volta ao interior de São Paulo para a vaga de Mayhara, que lesionou no joelho e desfalcará o time por tempo indeterminado

Fernanda Isis jogou pelo Flamengo na temporada passada (divulgação/Sesi Vôlei Bauru)

Fernanda Isis reforça o Sesi Vôlei Bauru e chega falando em títulos

A central Fernanda Isis, ou Fê Isis como é mais conhecida, é a nova contratação do Sesi Vôlei Bauru para a disputa da temporada 2020/2021. Oitavo reforço do time paulista, a jogadora chega falando em conquistar títulos.

“A oportunidade de brigar por títulos, com certeza, foi o que mais influenciou na hora de fechar com o Sesi Vôlei Bauru. Estou muito feliz em retornar a Bauru, cidade em que fiz muitos amigos”, diz Fê Isis, onde já atuou na temporada 2015/2016.

A contratação da atleta é para ocupar a vaga da também central Mayhara, que se lesionou no joelho esquerdo e desfalcará o time do interior de São Paulo por tempo indeterminado.

Oitavo reforço

Fê Isis jogou a temporada passada no Flamengo e é o oitavo reforço do Sesi Vôlei Bauru, que já havia trazido a levantadora Carol Leite, a central Mara, a oposta Pamela, as ponteiras Vanessa Janke, Mari Cassemiro e Suelle e a líbero Brenda Castillo.

+ ‘Brasileira’ na França, Julie Oliveira sonha com Paris-2024

A atleta se juntará ao elenco comandado pelo técnico Anderson Rodrigues, que também já conta com a levantadora Dani Lins, a ponteira/oposta Tifanny, a central Adenízia, a oposta Polina Rahimova e a líbero Julia Machado. Essas renovaram contratos como o Sesi Vôlei Bauru.

“Minhas expectativas são as melhores possíveis. Quero poder me integrar logo à equipe, entrar no ritmo que elas estão e poder ajudar da melhor forma possível”, ressalta Fê Isis.

Muita experiência

Fernanda Isis da Silva tem 36 anos, 1,83 m de altura e é natural de São Paulo, capital. Começou nas categorias de base do Osasco, onde permaneceu até a categoria adulta.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Em seguida, registrou passagens pelo Brasil Telecom, Rio de Janeiro, Cativa Pomedore, Macaé, Minas, Azeryol Baku (Azerbaijão), Pinheiros, Barueri, São Caetano, além do Bauru e do Flamengo.

Dentre as maiores conquistas, o bicampeonato da Superliga defendendo o Rio de Janeiro e os títulos da Copa São Paulo e Copa do Brasil.

Mais em Vôlei