Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

Mulheres garantem ouro, pratas e bronze no Aberto da França

Catia Oliveira, medalhista de bronze nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, Sophia Kelmer, Joyce Oliveira e Jennyfer Parinos subiram no pódio da competição de tênis de mesa

Cátia Oliveira tênis de mesa paralímpico Aberto da França medalhas
Cátia Oliveira foi bronze em Tóquio (Rogério Capela/CPB/arquivo)

As mulheres conquistaram nesta sexta-feira (6) quatro medalhas no Aberto da França de tênis de mesa paralímpico, disputado em Saint Quentin en Yvelines. Cátia Oliveira, bronze nos Jogos Paralímpicos de Tóquio no ano passado, levou o ouro na classe 1 e 2. Sophia Kelmer e Jennyfer Parinos ficaram com a prata na 8 e na 4, respectivamente, e Joyce Oliveira colocou o bronze no peito na classe 4. No masculino, Israel Stroh e Paulo Salmin caíram nas oitavas de final da classe 8.

A classe de Cátia Oliveira começou a fase eliminatória já direto nas semifinais, onde a brasileira passou pela tailandesa Chilchitraryak Bootwansirina com 11/2, 11/7 e 11/4. Na decisão, conquistou o título ao derrotar por 3 a 1 a finlandesa Aino Tapola, parciais de 11/9, 5/11, 11/6 e 11/8. Na fase de grupos, a medalhista paralímpica ficou em primeiro lugar no Grupo 1 vencendo as duas partidas que fez por 3 a 0. Desta forma, sai invicta do Aberto da França de tênis de mesa paralímpico perdendo apenas um game.

Pratas e bronze

Sophia Kelmer entrou na fase eliminatória como a primeira cabeça de chave e, portanto, não precisou jogar as quartas de final. Na semi, venceu a francesa Lucie Hautiere de virada. Perdeu o primeiro game por 11/7, depois aplicou 11/5, 11/8 e 14/12 para chegar na grande final. Lá perdeu por 3 a 0 da norueguesa Aida Dahlen com 13/11, 11/4 e 11/4 nas parciais. Nos grupos, a brasileira também jogou duas e venceu ambas. Já Jennyfer Parinos fez a terceira e última partida pela fase de grupos contra Neslihan Kavas valendo o primeiro lugar da chave. Como a classe não tinha mata-mata previsto, na prática o duelo foi uma final. A turca venceu por 3 a 0, parciais de 11/9, 11/4 e 11/2.

+ Beth Gomes bate recorde mundial do arremesso de peso

Já Joyce Oliveira garantiu o bronze ao vencer um jogaço contra a britânica Susan Bailey pelas as quartas de final do Aberto da França de tênis de mesa. A brasileira fez 14/12 no primeiro game, tomou a virada com um 11/6 e um 11/9, recuperou-se no quarto com 11/6 e levou a partida para a quinta e decisiva parcial. Lá, a medalha veio com uma vitória por 12 a 10. A seguir, na semifinal, perdeu para a tailandesa Jaion Wijittra por 11/1, 11/5 e 12/10. No tênis de mesa não há disputa pelo bronze e as medalhas são entregues para ambos param nas semis. Nos Grupos, a brasileira ganhou duas e perdeu uma.

Masculino

No masculino, Israel Stroh e Paulo Salmin caíram nas oitavas de final e ficaram sem medalhas. Stroh perdeu por 3 a 0, parciais de 11/7, 11/8 e 11/7, para o tailandês Chalermpong Punpoo. Já Salmin fez um jogo parelho contra o alemão Bjoern Schnake sucumbindo apenas no 11/9 do quinto game. O brasileiro ganhou o primeiro por 11/9, tomou a virada por 11/6 e 11/5 e empatou fazendo 12/10 na quarta parcial.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Paralimpíada Todo Dia