Siga o OTD

Tênis de Mesa

Com sete brasileiros, Mundial de Houston confirma seus participantes

Com Hugo Calderano, o Mundial de tênis de mesa confirmou seus participantes e contará com cinco brasileiros na chave masculina e duas brasileiras no feminino

Hugo Calderano Fakel Gazprom Orenburg Champions League tênis de mesa
(Divulgação/Fakel Gazprom Orenburg)


A lista foi definida! A organização do Mundial de tênis de mesa divulgou, nesta segunda-feira (1), a lista de atletas que irão participar da competição em 2021, em Houston entre 23 e 29 de novembro. Com a presença confirmada de Hugo Calderano, o melhor latino americano da história do ranking mundial, o Brasil também contará com Gustavo Tsuboi, Vitor Ishiy, Eric Jouti e Thiago Monteiro, na chave masculina, e Bruna Takahashi e Caroline Kumahara, no feminino. Confira a lista completa de atletas aqui.

No masculino, a China optou por uma formação jovem com Fan Zhendong, número um do mundo, liderando o ataque chines ao lado de Zhou Qihao, Lin Gaoyuan, Wang Chuqin e Liang Jingkun.

-Henrique Avancini vai buscar o último gás para conquistar o 19º título brasileiro

A sensação adolescente Tomokazu Harimoto junto com Koki Niwa, Yukiya Uda, Masataka Morizono e Shunsuke Togami carregam as esperanças do Japão, enquanto a Alemanha contará com o veterano Timo Boll, Patrick Franziska, Benedikt Duda e Ruwen Filus, que chegou à final do WTT Star Contender Doha antes este ano, para liderar a potência europeia à glória global. 

Hugo Calderano com o troféu de Doha Remy Gros/ WTT

Recém-saído de sua conquista no WTT em Doha, o brasileiro Hugo Calderano pode encenar outra reviravolta contra os pesos pesados, enquanto espera criar outro impacto no cenário internacional. As expectativas são altas para Mathias Falck, da Suécia, que busca melhorar sua medalha de prata na edição de 2019 em Budapeste.O retropecto e o momento de cada um dos atletas faz com que a chave masculina do Mundial de tênis de Mesa seja a mais aberta dos últimos tempos.

A chave feminina

Confrontos intrigantes também aguardam na chave feminino, enquanto sete das dez primeiras jogadoras se preparam para a disputa. Com Bruna Takahashi e Caroline Kumahara representando o Brasil, os grandes nomes da competição são as asiáticas. Chen Meng e Sun Yingsha, da China, estarão ansiosas para apresentar outro desempenho no Mundial de tênis de mesa com seu status de número um e dois do mundo, respectivamente.

Espera-se que a estrela japonesa Mima Ito, a número três do mundo, enfrente um sério desafio. No início deste ano, ela ganhou títulos consecutivos no WTT Middle East Hub e é uma medalhista de ouro olímpica, tendo vencido a chave de duplas mistas em casa em julho.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

A número oito do mundo, Cheng I-Ching, de Taipei, conquistou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio e também pode chegar ao pódio devido à sua forma imperiosa este ano. 

O Mundial de Tênis de Mesa têm muita história, com o primeiro evento realizado em Londres em 1926. O prestigioso evento recebe os melhores jogadores de tênis de mesa em todo o mundo e tem um alcance global de mais de 500 milhões de fãs em plataformas de TV e digitais. 

Mais em Tênis de Mesa

viagra