Siga o OTD

Tênis

Marcelo Melo e Rafael Matos param nas oitavas de Wimbledon

Marcelo Melo e Rafael Matos perdem para dupla finlandesa-britânica e para na terceira rodada de duplas de Wimbledon

Marcelo Melo e Rafael Matos em ação no Grand Slam de Wimbledon
(Foto: Faberg)

Os brasileiros Marcelo Melo e Rafael Matos perderam para a parceria formada pelo finlandês Harri Heliovaara e pelo britânico Henry Patten por 2 sets a 0 (7/6 [1] e 6/2), na manhã desta segunda-feira (08), e caíram nas oitavas de final do torneio de duplas masculinas de Wimbledon. Agora, o país segue no Grand Slam britânico apenas com Rafael Matos/Luisa Stefani nas duplas mistas.

Depois de duas vitórias no torneio, com direito a três tie-breaks na segunda rodada, Marcelo Melo e Rafael Matos encontraram uma dupla que estava embalada no torneio. Isto porque Heliovaara/Patten derrubou os cabeças de chave número cinco ainda na primeira rodada do torneio e ainda não havia perdido sets na competição.

Os brasileiros fizeram um primeiro set equilibrado e, sem quebras, levaram o duelo para o tie-break. Por lá, o finlandês e o britânico levaram a melhor e ganharam por 7-1. Já no segundo set, a dupla europeia foi dominante e venceu com folga. Eles tiveram uma quebra já no primeiro game de serviço e voltaram a ter um break no quinto game. Os brasileiros ainda salvaram três match points, mas perderam por 6/2.

Fim da linha

Com a derrota, Marcelo Melo e Rafael Matos encerram sua quinta participação como dupla nesta temporada. Antes, foram campeões do ATP 250 de Sttutgart, chegaram na segunda rodada de Roland Garros e caíram na estreia do ATP 250 de Eastbourne e do ATP 250 de Genebra. Melo é o 41º colocado do ranking mundial de duplas, enquanto Matos aparece em 40º lugar.

Vale destacar que os dois tenistas se juntaram pensando nos Jogos Olímpicos de Paris-2024. No entanto, por conta de seus rankings, eles não conseguiram classificação. Agora, aguardam desistências para saber se poderão entrar no maior evento esportivo do planeta, cujas disputas do tênis ocorrerão em Roland Garros, a partir de 27 de julho.

O Brasil em Wimbledon 2024

Com a eliminação de Melo e Matos, o Brasil segue vivo em apenas em uma frente entre as disputas sêniores do Grand Slam de Wimbledon. Trata-se do próprio Rafael Matos e da medalhista olímpica Luisa Stefani, que representam o país na disputa de duplas mistas. Campeões do Australian Open 2023, eles farão sua estreia contra o britânico Neal Skupski e a estadunidense Desirae Krawczyk.

Paulistano de 22 anos. Jornalista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Estou no Olimpíada Todo Dia desde 2022. Cobri os Jogos Mundiais Universitários de Chengdu e os Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023.

Clique para comentar

Você deve estar logado para postar uma comentário Login

Deixe um Comentário

Mais em Tênis