Siga o OTD

Tênis

Gustavo Heide perde em cinco sets na estreia em Roland Garros

Gustavo Heide luta contra Sebastián Baez, chega a ter vantagem no quinto set, mas perde e cai na estreia de Roland Garros

Gustavo Heide em ação durante partida de Roland Garros contra Sebastián Baez
(Foto: Fotojump)

Gustavo Heide lutou muito, mas não conseguiu vencer em sua estreia em Grand Slams. Vindo do quali, ele perdeu para o argentino Sebastián Baez, cabeça de chave número 20, por 3 sets a 2 (4/6, 6/3, 6/1, 4/6 e 6/3), na tarde desta segunda-feira (27) e caiu na primeira rodada de Roland Garros. O brasileiro chegou a ter uma quebra de vantagem em duas oportunidades no quinto set, mas tomou a virada.

Esta foi a primeira partida de cinco sets da carreira de Gustavo Heide, que tem 22 anos de idade. Atualmente, ele aparece na 174ª colocação do ranking mundial. No entanto, está ganhando 19 posições de forma momentânea por ter vencido três partidas e furado o quali de Roland Garros, aparecendo provisoriamente na 155ª posição – atingindo, assim, a melhor colocação de sua carreira.

Sebastián Baez, algoz de Gustavo Heide, é o 20º colocado o ranking mundial e o principal tenista argentino da classificação. Ele é um dos atletas que devem estar presentes nos Jogos Olímpicos de Paris-2024. Seu próximo adversário em Roland Garros será o austríaco Sebastian Ofner (45º), que passou pelo francês Terence Atmane (121º) na estreia.

Com a eliminação de Gustavo Heide, o Brasil ainda tem quatro tenistas vivos nas chaves principais individuais de Roland Garros. Bia Haddad Maia joga no feminino, enquanto Thiago Monteiro, Thiago Wild e Felipe Meligeni estão presentes no masculino. Laura Pigossi, que assim como Heide furou o quali do torneio, caiu na primeira rodada depois de também ter tido vantagem na parcial decisiva.

Como foi o jogo

Heide venceu o primeiro set depois de conseguir uma quebra no terceiro game. Quando o brasileiro sacava em 5/4 e tinha 40-15, com dois set points, a chuva chegou e chegou a interromper o duelo por cerca de uma hora, mas Heide confirmou na volta e fechou a parcial em 6/4. Depois do primeiro set, o cenário da partida mudou e o argentino cresceu na partida. Dominante, ele venceu as duas parciais seguintes por 6/3 e 6/1.

Foi no quarto set que Gustavo Heide conseguiu se reestabelecer na partida. Ele saltou a frente do placar com uma quebra no terceiro game. O argentino chegou a devolvê-la, mas o brasileiro voltou a quebrar na sequência e teve um novo break no sétimo game. Baez ainda devolveu uma das quebras, mas o brasileiro confirmou a vitória no set em 6/4, após quatro set points.

Heide voltou melhor para a quinta parcial e obteve um break logo no primeiro game, abrindo 2/0 na sequência. A partir de então, o brasileiro caiu de rendimento, em especial durante seus saques, e o argentino se aproveitou para empatar o duelo. Heide ainda quebrou o serviço do argentino outra vez no quinto game, mas não confirmou o game seguinte e nem os demais, perdendo por 6/3, em 3h44min.

Paulistano de 22 anos. Jornalista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Estou no Olimpíada Todo Dia desde 2022. Cobri os Jogos Mundiais Universitários de Chengdu e os Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023.

Mais em Tênis