Siga o OTD

bia haddad maia carolina meligeni itf buenos aires

Tênis

Bia Haddad e Carol Meligeni vencem e se enfrentam pela 3.ª vez no ano

As oitavas de final do ITF de Oeiras reservam o terceiro confronto da temporada entre Beatriz Haddad Maia e Carolina Meligeni

Bia Haddad e Carol Meligeni vencem e se enfrentam pela 3.ª vez no ano

Beatriz Haddad Maia e Carolina Meligeni estrearam com vitória na chave de simples do ITF de Oeiras, em Portugal. Com o resultado, as duas adversárias vão se enfrentar pelas oitavas de final do torneio. Será o terceiro confronto entre elas na temporada 2021. Até agora, uma vitória para cada lado.

Na primeira rodada do ITF de Potchefstroom, na África do Sul, Carolina Meligeni venceu a compatriota por 6/7 (8/10), 6/3 e 7/5. Beatriz Haddad Maia deu o troco na semifinal do ITF de Córdoba ao vencer por 6/3, 4/6 e 7/5. “Acho que isso é muito positivo. Nós estamos nos encontrando nos mesmos torneios e vamos poder subir juntas, o que é o mais legal. Somos amigas fora das quadras e dentro é uma competição saudável, onde fazemos o nosso melhor. Já jogamos contra diversas vezes, desde quando éramos crianças, e sempre estamos nos puxando para cima. Acho que isso é o mais importante. Espero que a gente se enfrente outras mil de vezes, isso é muito bom para o tênis brasileiro”, disse Bia Haddad, que superou a lituana Justina Mikulskyte em sets diretos por 6/2 e 7/6 (7-2) na estreia da competição.

Para chegar ao terceiro duelo entre elas, Carolina Meligeni começou perdendo para a polonesa Weronika Falkowska, mas conseguiu a virada e venceu com parciais de 4/6, 6/3 e 6/3.  “Estava um pouco tensa, sabia que ela vinha jogando bem, que quase não perdeu esse ano, mas eu também sabia das minhas possibilidades e da forma que venho jogando. Fui me adaptando durante a partida, conforme as situações iam aparecendo. Oscilei em alguns momentos, mas consegui ficar firme de cabeça e competitiva para ir buscando soluções. Joguei bem em alguns momentos importantes e saí com a vitória”, afirmou Carol.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Ainda pelo ITF de Oeiras, Laura Pigossi derrotou a sueca Jacqueline Awad por 6/2 e 6/3 e vai encarar a vencedora do duelo entre Mandy Minella, de Luxemburgo, e Malene Helgo, da Noruega. Quem se deu mal na estreia do ITF de Oeiras foi Gabriela Cé, que foi eliminada pela suíça Nina Stadler por 6/2 e 6/3.

ATP 250 DE MUNIQUE E ESTORIL

No masculino, Marcelo Melo sofreu sua sétima derrota seguida na temporada. O tenista mineiro jogou com o o alemão Mischa Zverev e caiu na primeira rodada do ATP 250 de Munique diante do holandês Wesley Koolhof e do alemão Kevin Krawietz com duplo 6/3. No ATP 250 de Estoril, Marcelo Demoliner e o mexicano Santiago Gonzalez, que tinham estreado com vitória, foram eliminados na segunda rodada por Hugo Nys, de Monaco, Tim Puetz, da Alemanha, com parciais de 7/6 (7/3) e 6/1.

+RECEBA NOTÍCIAS NO NOSSO CANAL NO TELEGRAM OU PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DO WHATSAPP

CHALLENGER DE ROMA E SALINAS

No Challenger de Roma, Felipe Meligeni, que vinha de três vitórias, duas delas no qualifying, foi eliminado na segunda rodada pelo italiano Giulio Zeppieri em sets diretos, com parciais de 6/4 e 6/3. Nas duplas, no entanto, ele estreou com vitória. Jogando ao lado de Rafael Matos, venceu o canadense Steven Diez e o espanhol Sergio Gomes, de virada, por 4/6, 6/3 e 10/6.

Pelo Challenger de Salinas, Orlando Luz acabou eliminado na chave de simples e duplas. Na partida de simples desta quarta-feira, o tenista brasileiro foi superado pelo Nicolas Jarry, do Chile, por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/4.

Após a derrota no simples, Orlando se juntou a João Menezes e enfrentou os japoneses Sekiguchi e Uchida. No confronto, com um baixo aproveitamento no primeiro serviço, os brasileiros acabaram sofrendo quebras e foram superados por 2 sets a 0, com um duplo 6/4, e a dupla deu adeus a competição.

ITF DE MONASTIR E CAIRO

No ITF de Monastir, Gilbert Klier e o chileno Miguel Pereira derrotaram, de virada, os argentinos Guido Justo e Mariano Kestelbom por 5/7, 6/3 e 10/5. Na chave de simples, Pedro Boscardin levou 6/1 e 6/3 do português Fábio Coelho. Já no Cairo, José Pereira perdeu para o italiano Edoardo Lavagno por 6/3 e 6/4.

Mais em Tênis