Siga o OTD

Remo

Botafogo vence a 52ª edição da Regata Remo do Futuro

Equipe carioca venceu 7 das 12 provas e conquistou a regata mais uma vez. Ao todo, mais de 200 atletas participaram da competição

Divulgação/FRERJ

Botafogo vence a 52ª edição da Regata Remo do Futuro

Com vitória em sete das 12 provas disputadas, o Botafogo faturou mais um Troféu Guilherme Arinos, na 52ª Regata Remo do Futuro, realizada na manhã deste sábado (27), no Estádio de Remo da Lagos. Em segundo lugar ficou a equipe da Escola Naval, com duas vitórias, e o terceiro lugar foi dividido pelas equipes do Flamengo, Vasco da Gama e Guanabara, cada um com uma vitória. A equipe Master do Guanabara chegou em primeiro lugar em seis provas e faturou o Troféu Paquetá pela sexta vez consecutiva.

Considera uma das mais importantes do calendário estadual, porque durante as provas os organizadores procuram novos talentos da modalidade entre os participantes com idade mínima de 12 anos, a Regata Remo do Futuro recebeu mais de 200 atletas, entre remadores das escolinhas de remo dos principais clubes do Rio e remadores Master. A competição foi promovida pela Federação de Remo do Estado do Rio de Janeiro, que precisou improvisar para realizar a regata, já que no decorrer da semana a Glen, empresa que administra o Espaço Lagoon desligou a energia da torre de cronometragem.

O presidente da FRERJ, Paulo Carvalho, tentou a semana inteira contato com a empresa para tentar religar a luz, mas não foi atendido. Mas, nem esse contratempo foi suficiente para estragar a festa dos alunos das escolas de remo dos clubes cariocas.

“Sem dúvida, foi uma competição emocionante, com provas muito disputadas, que chegaram a reunir nove barcos nas raias e com participantes demostrando muita garra, apesar da Glen tentar estragar a regata. Ninguém se intimidou. Improvisamos e deu tudo certo. Foi bonito de ver essa garotada disputando as provas remada por remada. A partir da próxima segunda-feira vamos tomar as providências cabíveis para reverter essa situação, pois temos duas regatas pela frente, a Copa Rio Master e o Pré Panamericano, onde vamos receber as seleções dos Estados Unidos e do Canadá. A Glen agiu de forma de forma arbitrária, desrespeitando o esporte e o legado olímpico”, afirmou Paulo Carvalho.

A próxima competição do calendário da FRERJ será a Copa de Remo Rio Master, no dia 3 de novembro.

Mais em Remo