Siga o OTD

seleção brasileira de polo aquático feminino campeonato sul-americano de esportes aquáticos

Polo Aquático

Duas goleadas e um WO por covid para o Brasil no Campeonato Sul-Americano

Nesta quinta, as seleções brasileiras de polo aquático venceram a Colômbia e a masculina, que teria dois jogos, ganhou do Peru por WO

Satiro Sodré/SSPress/CBDA

Duas goleadas e um WO por covid para o Brasil no Campeonato Sul-Americano

As seleções brasileiras de polo aquático seguem invictas e com 100% de aproveitamento no Campeonato Sul-Americano de esportes aquáticos, em Buenos Aires, na Argentina. Nesta quinta, as duas equipes venceram a Colômbia e a masculina, que teria dois jogos, acabou não jogando o segundo porque ganhou de WO.

A seleção feminina venceu a Colômbia e está com 100% de aproveitamento na competição. As brasileiras venceram as colombianas por 21 a 8, com gols de Samantha Rezende (8), Beatriz Mantellato (3), Letícia Belorio (3), Mariana Rogê (2), Mirella Coutinho (2) e Jeniffer Cavalcante (2). 

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Já a seleção masculina de polo aquático também derrotou a Colômbia por 16 a 9 e, a exemplo das meninas, segue com 100% de aproveitamento na competição.

Os gols do Brasil foram marcados por: Gustavo Grummy Guimarães (4), Pedro Vergara (4), Rafael Vergara (3), Luis Ricardo (2), Marcos Paulo, Gabriel Sojo e Bruno Chiappini.

O time masculino faria mais uma partida nesta sexta-feira, às 20h15, contra o Peru. A seleção peruana, porém, não compareceu à partida porque quatro jogadores testaram positivo para covid-19, e o Brasil venceu por W.O.

O Chile também abandonou a disputa tanto no feminino como no masculino por causa de um casos de covid-19 em seu elenco. Nesta quinta, a equipe feminina perdeu por WO para o Paraguai, que, assim, conseguiu vencer pela primeira vez na competição, e a masculina não compareceu ao jogo contra o Uruguai.

A última rodada da primeira fase acontece nesta sexta-feira. A seleção feminina joga às 13h contra o Uruguai. Já a masculina enfrenta a Argentina, às 21h30.

Mais em Polo Aquático