Siga o OTD

Ginástica Artística

Diego Hypólito fora da final do solo na etapa de Doha, no Qatar

Pela qualificatória do solo na etapa de Doha da Copa do Mundo de Ginástica Artística, Diego Hypólito não alcança a nota e fica fora da final

Reprodução/Instagram

Diego Hypólito fora da final do solo na etapa de Doha, no Qatar

O brasileiro Diego Hypólito voltou a competir nesta quarta-feira (20), quando participou da qualificação da prova do solo, válida pela Copa do Mundo de Ginástica Artística por aparelhos de Doha, no Qatar.

Após ter retornado às competições internacionais na etapa anterior, realizada em Baku, no Azerbaijão, Diego tentava avançar à final do solo, o que lhe renderia pontos na corrida por uma vaga à Olimpíada de Tóquio-2020.

Contudo, Diego Hypólito nao foi muito bem, terminou com a nota de 11.700 e ficou apenas na 40ª colocação, passando longe dos classificados para a final do solo na etapa de Doha da Copa do Mundo de Ginástica Artística por aparelhos. E para piorar o cenário do atleta, a participação em Doha foi pior do que em Baku, quando alcançou a nota de 12.433 no qualificatório. A final do solo em Doha será realizada na sexta-feira (22), a partir das 10h (horário de Brasília).

Por outro lado, Diego Hypólito voltou às competições internacionais após pouco mais de dois anos afastado e ainda precisa adquirir ritmo e confiança na execução dos movimentos. Depois da conquista da medalha de prata no solo na Olimpíada Rio-2016, só voltou a competir na última semana, na etapa da Copa do Mundo em Baku (Azerbaijão), na semana passada. Na ocasião, ele também não passou pela qualificação.

“Infelizmente, o Diego não foi bem e voltou a apresentar o mesmo deslize que cometeu em Baku. Agora, temos que trabalhar muito e estudar quais serão as possíveis competições para ele disputar”, afirmou o treinador Ricardo Yokoyama.

E o brasileiro não terá muito tempo para lamentações, já que volta a competir amanhã (21) na classificatória do salto.

O ranking olímpico da Copa do Mundo por aparelhos vai considerar os três melhores resultados de cada ginasta no respectivo aparelho, contabilizando os resultados combinados das temporadas 2018/19 e 2019/20. O melhor ginasta em cada aparelho neste ranking irá para a Olimpíada.

Mais em Ginástica Artística