Siga o OTD

Brasil e é campeão do Sul-Americano Sub-20

Futebol

Brasil e é campeão do Sul-Americano Sub-20

Brasil e Paraguai se enfrentaram para decidir o Sul-Americano Sub-20 e a Seleção não deu chances às paraguaias. Muito superiores durante o jogo todo, as brasileiras venceram pelo placar elástico de 8 x 1 e sagraram-se campeãs do torneio com 100% de aproveitamento. Geyse brilhou no jogo e marcou 5 gols.

Depois de golear a Venezuela e garantir a classificação para o Mundial, a Seleção Brasileira feminina Sub-20 voltou a campo para decidir o título do Sul-Americano da categoria. Contra o Paraguai, no Estádio Bellavista de Ambato, no Equador, a Seleção não tomou comhecimento do adversário e goleou pelo placar de 8 a 1. O destaque da partida foi Geyse, com 5 dos 8 gols na partida final.

O jogo

Geyse mostrou o cartão de visita logo aos cinco minutos de jogo. Abriu o placar após falha da zaga paraguaia. Aos 17 minutos, após cruzamento perfeito em jogada de escanteio, a capitã Ana Vitória fez o segundo gol brasileiro, de cabeça. Subiu muito e não deu chances para a defesa. Aos 42 do primeiro tempo, Angelina chutou forte, a goleira fez boa defesa, mas deu rebote para Geyse, que só colocou nas redes, de canhota. Fim do primeiro tempo: 3 a 0 para o Brasil.

No segundo tempo, já nos primeiros minutos foram duas bolas na trave do Brasil, uma com Geyse e outra com Ana Vitória. Aos 11 minutos, Geyse briga pela bola com a defesa paraguaia na entrada da área e faz o quarto, o seu terceiro no jogo. Doriva Bueno fez a primeira alteração do jogo. Saiu Kerolin Nicole e entrou Karla Karolina.

Ela estava impossível. Geyse marcou o quinto aos 32 do segundo tempo, em finalização de esquerda na saída do goleiro. O Paraguai descontou aos 35. Foi primeiro e único gol sofrido pelo Brasil na competição. Mas não deu nem para comemorar. Dois minutos depois, Brenda marcou o sexto gol brasileiro após lindo passe de Ana Vitória nas costas da defesa paraguaia. 6 a 1.

Com a partida sob controle e o título por uma questão de minutos, o técnico Doriva fez mais duas mudanças na equipe. Entraram Valéria e Juliana, saíram Brenda e Isabella. Mas até quem veio do banco de reservas chegou com tudo na partida. Em sua primeira participação, Valéria recebeu boa bola na frente da goleira e só empurrou para a rede aos 43 minutos. 7 a 1.

E para assinar a goleada, tinha que ser dela o último gol da partida. Em velocidade pela esquerda, Geyse  ganha da zaga e finaliza. Marcou o quinto dela, o oitavo do Brasil.

Para completar o placar, Ana Vitória, Brenda e Valéria marcaram para o Brasil. A capitã Angélica recebeu o troféu por fair-play da competição e a centro-avante Geyse foi a artilheira do torneio, com 13 gols.

Campanha

Para ser campeã, a Seleção contou com número impressionantes na campanha. O time venceu os 7 jogos que disputou e foi vazado apenas na final, nesta quarta. Foram 30 gols feitos (média de 4,2 por jogo), e apenas um sofrido. A maior goleada veio neste duelo contra o Paraguai.

A seleção paraguaia ficou com a segunda vaga da Conmebol na Copa do Mundo da categoria, que será realizada de 5 a 24 de agosto deste ano, na França.

As duas seleções se classificaram para a final após vencerem dois jogos cada no quadrangular final do Sul-Americano Feminino Sub-20. O Brasil goleou os dois adversários: 4 a 0 sobre a Colômbia e 5 a 0 sobre a Venezuela. Já o Paraguai venceu a Venezuela por 3 a 1 e a Colômbia por 4 a 2.

Mais em Futebol