Siga o OTD

Basquete

Didi Louzada entra bem, mas os Kings perdem na Austrália

Brasileiro foi o que mais contribuiu com o time dentre os que saíram do banco em partida que seu time vencia até o último quarto

Didi Louzada no Sydney Kings pela NBL
(facebook/Sydney Kings)

O brasileiro Didi Louzada foi o jogador vindo do banco que mais contribuiu com o Sydney Kings na partida contra New Zealand Breakers em New Plymouth, Nova Zelândia, nesta sexta (17). Apesar disso, os Kings perderam para os anfitriões por 88 a 81 pela 16ª rodada da NBL, o Campeonato Australiano de basquete.

Didi Louzada participou por 26min11 do jogo, anotando oito pontos, com três de seis em chutes de quadra e mais dois pontos da linha de lance livre em dois chutados. De fora foram duas tentativas sem sucesso. Foi quem mais pontou dentre os que saíram do banco e o quarto contando o time todo. Jae’sean Tate foi o cestinha dos Kings com 22.

Outra estatística em que o brasileiro se destacou foi nas assistências. Deu três, o segundo melhor de toda a equipe, atrás apenas das cinco de Casper Ware, atleta que mais ficou em quadra pelo Sydney Kings: 34min20. Didi Louzada pegou ainda quatro rebotes defensivos.

+ INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Virada no final

Na partida, o time australiano, líder da NBL, fechou o primeiro tempo com cinco pontos de frente após empate em 24 no primeiro quarto e vitória no segundo por 24 a 19. Na volta dos vestiários, porém, os anfitriões neozelandeses, empurrados por cerca de 2 mil pessoas no TSB Stadium, descontaram três no terceiro quarto e fizeram 20 a 11 no último para vencer.

+ Programa caro: vale mesmo a pena ir a um jogo da NBA?

Foi a sexta derrota nos últimos dez jogos do Sydney Kings, após fazer 11-1 nos doze primeiros compromissos. Apesar da perda de fôlego, o time de Didi Louzada ainda lidera na NBL com 15 vitórias e sete derrotas.

Em segundo está o Perth Wildcats, com 14-8, e em terceiro aparece o Cairns Taipans, do brasileiro Scott Machado, que vem em recuperação após um início ruim e já aparece com 12-10.

Mais em Basquete